Água paranaense é premiada em concurso internacional

Redação


A Água Mineral Serra da Graciosa foi a única representante brasileira no 2º Concurso Internacional de Degustação de Águas, organizado pela Fine Waters Society, na última semana, em Guangzhou, China.

A empresa paranaense recebeu medalha de prata na eleição da melhor embalagem na categoria de garrafas pet, com sua versão para o produto “Finésse”. Além disso, mais uma vez ficou entre melhores águas do mundo, segundo esta sociedade internacional especializada em águas premium, criada pelo norte-americano Michael Mascha. Obteve a quarta colocação numa votação que elegeu os sabores mais marcantes.

Desde 2006 a Serra da Graciosa é listada entre as 100 águas mais distintas do mundo do guia Fine Waters, que conta com uma versão na internet e também edita um livro, ambos compilados por Michael Mascha. A participação se deu a partir de uma passagem do autor por Curitiba, quando ele provou e aprovou o produto. É a única brasileira nesta seleta lista.

O concurso aceita apenas águas naturais, de origem controlada. O juri contou com a participação de Mascha e outros quatro especialistas internacionais.

A embalagem premiada foi lançada no ano passado. Desenvolvida pela house da própria fábrica, traz um design minimalista e elegante, num visual pensado para complementar a mesa de um restaurante de alta gastronomia, sem se sobrepor aos elementos mais importantes da mesa, os pratos.

Criada em 2001, a Serra da Graciosa é comercializada em diversas embalagens.  A versão Finésse, voltado ao mercado da gastronomia, conquistou grande popularidade entre os chefs do Paraná, que são fãs de sua apresentação. Possui opções com e sem gás.

Entre os segredos para a excelência da água Serra da Graciosa está sua localização, aos pés da Serra do Mar, em Morretes. Coberta pela Mata Atlântica, em áreas se preservação, a região tem uma precipitação de chuva maior do que na Amazônia. Toda esta água penetra através das formações de granito do local, passando por até 200 anos de filtração e mineralização para chegar ao ponto de extração. O ecossistema local funciona como uma grande fábrica de água e filtro. “O cuidadoso processo de extração e envase mantém estas propriedades”, conta um dos diretores, Christiano Loureiro. “O Guia Fine Water valoriza isto: águas que refletem a essência da fonte, que é única e bem definida”.

A Serra da Graciosa é bem leve, com baixo teor de minerais, com propriedades levemente alcalinas. Estas características conquistaram a crítica internacional e também um público em expansão no Brasil. “Procuramos transportar a experiência de tomar uma água da fonte para onde o consumidor estiver”, conclui.

Previous ArticleNext Article