Cobrança indevida é a principal queixa dos clientes de operadoras

Mariana Ohde


Reclamações de cobranças indevidas, dúvidas nos valores das faturas e contratações de pacotes que o consumidor não fez e que aparecem nas contas são situações que estão cada vez mais comuns.

De acordo com a diretora do Procon no Paraná, Claudia Silvano, os clientes precisam ter atenção redobrada ao analisar a fatura. “É importante, primeiro, sempre conferir as faturas. No caso de um telefone pré-pago, existe a obrigação prevista em legislação de que as empresas deixem disponíveis para os consumidores, em seus sites, acessos que o consumidor possa fazer para conferir a sua conta no pré-pago, para saber no que estão sendo utilizados seus créditos”, afirma.

De acordo com o Procon, é aconselhável, primeiro, procurar a própria empresas para resolver os eventuais problemas. Se a empresa não responder a solicitação do cliente, o consumidor deve acessar o site e fazer a reclamação online – a operadora tem, então, dez dias para dar uma posição ao cliente. O Procon também orienta que o consumidor vá até o órgão formalizar a reclamação.

(Com informações da BandNews Curitiba)

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal