Desemprego no Paraná atinge 648 mil pessoas em junho, aponta IBGE

Redação

emprego curitiba paraná

A taxa de desemprego no Paraná ficou em 11,1% em junho, ou seja, 648 mil pessoas estavam desempregadas no último mês. Já o número de trabalhadores que prestavam serviços de maneira remota, por causa do distanciamento social, foi de 478 mil, cerca de 12 mil a menos que em maio.

Os dados foram divulgados pelo IBGE (Instituto de Geografia e Estatística), que fazem parte da PNAD (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) COVID Mensal nesta quinta-feira (23).

NO PARANÁ, 35,7% DOS DOMICÍLIOS RECEBERAM O AUXÍLIO EMERGENCIAL

De acordo com a pequisa, 411 mil pessoas foram afastadas do trabalho presencial, em junho, por causa da pandemia do novo coronavírus no Paraná. Do total, 250 mil deixaram de receber remuneração.

Além disso, o número de pessoas não ocupadas e que não procuraram vagas, mas que gostariam de estar empregadas foi de 875 mil pessoas, representando um aumento de 48 mil em relação a maio.

O PNAD também apontou que a informalidade caiu em comparação com o mês anterior, já que o número foi de 1.413.677, cerca de 61 mil a menos que em maio. Já o porcentual de domicílios do Paraná que receberam o auxílio emergencial foi de 35,7%, no mês anterior o percentual era de 31,3%.

No Estado, 1,7 milhão de pessoas tiveram redução de renda em julho e o rendimento real domiciliar foi de R$ 1.465.

Previous ArticleNext Article