Mais de 90% dos paranaenses terminaram 2019 endividados

Angelo Sfair

endividamento, endividados, endividada, família, famílias, paraná, cnc, fecoméricio pr, fecomércio, cartão de crédito, financiamento, inadimplência

Nove em cada 10 famílias do Paraná terminaram o ano endividadas. Conforme dados da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) e da Fecomércio PR (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná), o índice se manteve estável em 2019. O cartão de crédito lidera o endividamento das famílias.

De acordo com o levantamento, 90,88% das famílias paranaenses estava endividada em dezembro. No início de 2019, em janeiro, o número de endividados era de 90,1%.

Conforme a CNC e a Fecomércio PR, o endividamento cresceu na comparação com o ano anterior. Em média, 90,42% das famílias do Paraná tinham dívidas no ano passado, contra 88,92% em 2018.

No entanto, a reta final do ano indicou uma tendência de redução no número de inadimplentes. As famílias com parcelas em atraso passaram de 29,44% para 28,87% entre novembro e dezembro de 2019. A redução pode ser explicada pelo pagamento do 13º salário e a liberação de saques do FGTS.

Mesmo assim, o número de famílias do Paraná com parcelas em atraso aumentou em 2019. Conforme a pesquisa CNC e Fecomércio PR, os inadimplentes representavam 27,84% em janeiro passado. Ou seja, tanto o endividamento quanto a inadimplência aumentaram nos últimos 12 meses, embora a tendência seja de queda.

Ainda de acordo com a pesquisa, as dívidas são consideradas impagáveis por 11,17% dos paranaenses.

endividamento, endividados, endividada, família, famílias, paraná, cnc, fecoméricio pr, fecomércio, cartão de crédito, financiamento, inadimplência
Divulgação/Fecomércio PR

ENDIVIDAMENTO: CARTÃO DE CRÉDITO LIDERA A LISTA

O estudo da CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo) e da Fecomércio PR (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná) aponta que o cartão de crédito foi o principal motivo do endividamento das famílias do Paraná. 76,49% das contas a pagar em dezembro estavam relacionadas ao cartão.

O financiamiento de carros e casas caiu ao longo de 2019. Em relação aos veículos, entre junho e dezembro, o porcentual de representatividade passou de 9,75% para 6,94%. O financiamento imobiliário iniciou 2019 com 9,07% e encerrou o ano representando 8,45% do endividamento das famílias.

Previous ArticleNext Article