Medo de desemprego é maior em 17 anos, diz CNI

Andreza Rossini


O índice do medo do desemprego chegou ao maior número da série histórica, com 108,5 pontos, de acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria, divulgada nesta segunda-feira (18).

Este é o maior valor da série histórica, iniciada em 1999, ainda de acordo com o CNI. Os levantamentos apontam que em maio daquele ano o índice registrou um número próximo ao deste ano, em meio a crise de desvalorização do real.

O medo do desemprego subiu 1,9% e junho deste ano, se comparado ao mês anterior. Na comparação com junho de 2015 o medo subiu 4,2%. A insatisfação com a vida apresentou crescimento de 0,8% em junho de 2016 na comparação com março.

Veja o indicador do CNI na íntegra. 

Previous ArticleNext Article