Netflix ganha mais de 10 milhões de assinantes durante pandemia

Folhapress

MP que libera serviços de streaming de tributo para o cinema vai à sanção

A Netflix anunciou nesta quinta-feira (16) que ganhou mais de 10,1 milhões de assinantes no mundo durante a pandemia do novo coronavírus. As informações foram reveladas no balanço trimestral que compreende o período entre abril e junho.

O resultado é maior do que o esperado pelo streaming, que era de 7,5 milhões. O total de clientes do serviço chega a 192,9 milhões no mundo, de acordo com a empresa.

“Vivemos tempos incertos com restrições sobre o que podemos fazer socialmente. Assim, muitas pessoas estão recorrendo ao entretenimento para relaxamento, conexão, conforto e estímulo”, disse a Netflix em comunicado.

O primeiro semestre de 2020 resultou em 26 milhões de novos assinantes para o streaming. Anteriormente à pandemia, no passado, neste mesmo período, o crescimento foi de 12 milhões.

“Como resultado, esperamos menos crescimento para o segundo semestre de 2020 em comparação com o ano anterior”, ponderou a empresa.

Da mesma forma, os investidores apostam na Netflix enfrentando a pandemia melhor do que a maioria das empresas de entretenimento, com o preço das ações da empresa aumentando 45% desde o início de abril.

A Netflix encerrou o pregão de hoje com um valor de mercado cerca de US$ 15 bilhões maior do que a Disney. O streaming afirmou que teve receita de US$ 6,15 bilhões, ante previsão de 6,06 bilhões.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="708918" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]