Pão francês pode ficar 10% mais caro no Paraná por causa da alta do dólar

William Bittar - CBN Curitiba

pao-frances-aumento-parana

Alta do dólar e baixo estoque de trigo pode deixar o preço do pão francês mais caro no Paraná, é o que indica o Sipcep (Sindicato da Indústria de Panificação e Confeitaria no Estado do Paraná).

Isso acontece porque a maior parte do trigo utilizado na panificação paranaense é importado e a alta na moeda americana impacta no preço dos derivados do produto. Desde janeiro, a cotação do dólar aumentou 18%, representando um aumento de 10% no preço final do pão francês.

Vilson Borgmann, presidente do sindicato de panificação, explica que o valor é reajustado imediatamente, pois, não há estoque de trigo para conseguir manter o preço. “Nós já estamos tendo problemas de alta na farinha de trigo desde novembro, mas não repassamos. Só que agora, temos que repassar porque o dólar está muito alto.”

Além do aumento no pão, os produtos da confeitaria também registraram aumento, nesse caso, de 5%. “Todo os produtos vão ter um reajuste…alguns mais e outros menos. Por exemplo, num produto mais supérfluo, fazemos um reajuste maior nele para poder segurar o produto que a gente mais vai utilizar, que é o pão francês”, finalizou Borgmann.

Segundo o Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), desde o início do ano, o preço da saca de trigo comercializada no Estado aumentou 15%, o que também colabora para a alta no preço do pão.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="687628" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]