Alimentos tradicionais na Páscoa estão até 21% mais caros

Especialistas apontam que os valores podem subir ainda mais, devido ao aumento da demanda às vésperas da Semana Santa

Leonardo Gomes - BandNews FM Curitiba - 06 de abril de 2022, 11:04

Tânia Rego/Agência Brasil
Tânia Rego/Agência Brasil

Os itens típicos da mesa de Páscoa estão até 21% mais caros neste ano, na comparação com 2021. É o que aponta uma pesquisa do Instituto Brasileiro da Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV IBRE). As informações são da BandNews Curitiba.

Em média, os produtos registraram alta de quase 4%. Mas na análise item por item hortifrútis, proteínas e importados se destacam. É o caso da couve (21,50%), batata-inglesa (18,43%), sardinha em conserva (16,44%), azeite (15,63%), azeitona em conserva (14,38%) e bacalhau (11,50%). Pescados aumentaram mais de 8%, enquanto ovos de Páscoa quase 10%.

Para o economista e pesquisador Sandro Silva, os valores podem subir ainda mais, devido ao aumento da demanda às vésperas da Semana Santa.

"Reforça a importância das pessoas anteciparem suas compras, já que normalmente com o aumento do consumo os preços de alguns itens, que já estão altos, acabam aumentando. É o caso dos hortifrútis, bacalhau, peixes, chocolates e o azeite. A ideia é as pessoas anteciparem as compras e pesquisarem, há uma variação muito grande de preços nos estabelecimentos que vendes esses produtos", avalia o economista.

Apesar das altas generalizadas, o arroz se destacou positivamente com queda superior a 12%. Foi o único dos 14 itens pesquisados a apresentar recuo no preço.

Na análise geral, embora aumentos tenham sido registrados, os itens mais tradicionais do almoço de Páscoa tiveram forte desaceleração em relação ao ano passado, quando a mesma cesta registrava aumento superior a 25%.

A orientação do pesquisador é que o consumidor antecipe o quanto antes as compras e exercite a pesquisa de preços.

ItensVar.% acumulada em 12 meses (abr/19 a mar/20)Var.% acumulada em 12 meses (abr/20 a mar/21)Var.% acumulada em 12 meses (abr/21 a mar/22)
IPC/FGV3,445,759,18
Inflação dos itens de mesa para Páscoa0,5625,363,93
ARROZ9,6360,83-12,20
BATATA-INGLESA-28,9327,8318,43
CEBOLA-15,8650,876,41
COUVE-1,014,3721,50
BOLO PRONTO4,036,037,49
BOMBONS E CHOCOLATES0,549,513,92
OVOS17,3812,049,89
PESCADOS FRESCOS0,7610,018,33
ATUM2,879,483,59
BACALHAU13,357,2911,50
SARDINHA EM CONSERVA6,6516,9616,44
AZEITE-5,0912,6215,63
AZEITONA EM CONSERVA-2,1415,9914,38
VINHO1,306,486,12

Fonte: FGV