Thiago Nieweglowski assume presidência do Fundo Paraná

Redação

O Fundo Paraná tem novo Diretor Presidente. Thiago Nieweglowski assumiu, recentemente, a presidência da entidade no lugar de Renato Follador, que deixa o fundo para se concentrar na atividade de consultor de Previdência. Administrador com MBA em Previdência Complementar, Thiago vinha ocupando a Diretoria Administrativa e Financeira desde 2013. Outra mudança na direção do fundo é a entrada de Rita Pasqual Anzolin,  nova Diretora de Previdência.

O novo Diretor Presidente pretende reforçar a linha de inovação e fomento da Previdência Complementar para públicos cada vez mais amplos. “O Fundo Paraná tem atuado fortemente a favor da democratização da Previdência Complementar Fechada”, diz Thiago. O dirigente cita como exemplo a possibilidade de adesão de qualquer segurado dos RGPS (Regime Geral) ou RPPS (Regime Próprio) aos planos da entidade.

Ao assumir a direção da entidade, Thiago defende metas ambiciosas de alcançar público de 50 mil participantes e patrimônio de R$ 1 bilhão em um período de 5 anos. Atualmente, o fundo tem R$ 120 milhões de patrimônio e 6 mil participantes. Para isso, está preparando o lançamento de um projeto denominado “previdência digital” que tem o objetivo de simplificar a adesão de participantes em qualquer região do país. “Estamos fortalecendo a linha da inovação para intensificar o uso da tecnologia digital”, diz.

O novo presidente revela ainda os planos para a mudança de nome e reformulação da marca, que ainda não podem ser revelados. As mudanças serão apresentadas durante o mês de agosto, quando a entidade irá completar 15 anos de existência. Atualmente, o Fundo Paraná possui uma ampla diversidade de planos patrocinados e instituídos, incluindo o ACPrev, que é um plano na modalidade setorial, acessível à empresas filiadas à Associação Comercial do Paraná. Oferece também um produto voltado aos familiares de participantes, que é o Plano Família Mais Futuro, que foi criado em 2013.

Para mais informações, confira o site do Fundo Paraná

LEIA TAMBÉM: Inadimplência do consumidor cresce 0,9% no primeiro semestre de 2019

Previous ArticleNext Article