Nota Paraná começa a cobrar transferências para contas bancárias

Jordana Martinez

Repórter Karina Bernardi/ CBNCuritiba

Desde o dia 01º de fevereiro as transferências bancárias feitas para o resgate de créditos do Programa Nota Paraná são cobradas.

De acordo com a resolução do governo do estado, a primeira transferência do ano é gratuita, a partir da segunda transferência será cobrado o valor de R$ 1,69, referente à tarifa bancária do TED ou DOC.

Apenas as transferências para contas do Banco do Brasil não pagarão a tarifa, isso porque é o banco oficial do governo do estado. A transferência dos créditos para abatimento do IPVA também não tem a cobrança da tarifa.


Para os contribuintes que fizeram a transferência dos créditos até o dia 31 de janeiro, a próxima transferência ainda não será cobrada e contará como a primeira do ano.

O Programa Nota Paraná já tem mais de 2 milhões de consumidores cadastrados e nesta sexta-feira (09) deve bater a marca de R$ 800 milhões liberados aos participantes, incluindo créditos e prêmios distribuídos para contribuintes e instituições sem fins lucrativos.

Para se cadastrar no Nota Paraná basta acessar o SITE, clicar na opção “cadastre-se” e preencher os dados pessoais, como CPF, data de nascimento, nome completo, CEP e endereço para criação da senha pessoal. Depois, a cada compra, o consumidor deve indicar o CPF na nota e os créditos passam então a ser contabilizados.

Repórter Karina Bernardi

Post anteriorPróximo post
Jordana Martinez
Profissional multimídia com passagens pela Tv Band Curitiba, RPC, Rede Massa, RicTv, rádio CBNCuritiba e BandNewsCuritiba. Hoje é editora-chefe do Paraná Portal.
Comentários de Facebook
close-image