Volkswagen paralisa fábricas em São Paulo e no Paraná por falta de chips

Redação

volkswagen fábricas paraná são paulo são josé dos pinhais

Três das quatro fábricas da Volkswagen, em São Paulo e no Paraná, vão interromper as atividades no dia 21 de junho. O anúncio da montadora foi divulgado nesta sexta-feira (11), lamentando a escassez do fornecimentos de semicondutores para várias indústrias, incluindo a automobilística.

Mesmo após tratativas com a matriz e fornecedores, não é possível prosseguir a produção em São José dos Pinhais (PR), São Bernardo do Campo (SP) e São Carlos (SP).

“Entretanto, o cenário atual não demostra o encaminhamento para uma solução definitiva visando a normalização do fornecimento de chips. Ao contrário, há sérios riscos de agravamento dessa situação nas próximas semanas”, diz o comunicado.

Essa será a segunda paralisação da Volkswagen neste ano, já que as fábricas de São José dos Pinhais e Taubaté ficaram paradas durante 10 dias a partir do fim de maio. E a montadora não descarta novas paralisações durante a pandemia.

“Novas paralisações não estão descartadas futuramente caso o cenário global de fornecimento de semicondutores permaneça crítico, impactando diretamente as atividades de produção da empresa no Brasil”, finaliza.

VOLKSWAGEN INTERROMPE ATIVIDADES DAS FÁBRICAS EM SÃO PAULO E NO PARANÁ

Leia a íntegra:

Uma escassez significativa de capacidades de semicondutores está levando a vários gargalos de fornecimento em muitas indústrias globalmente (telecomunicação, computação, eletroeletrônicos e smartphones). Isso também gerou problemas no abastecimento da indústria automotiva ao redor do mundo desde a virada do ano. O resultado são adaptações em toda a indústria na produção de automóveis, o que também afeta as marcas do Grupo Volkswagen.

Nos últimos meses, o time da Volkswagen do Brasil tem trabalhado intensamente, em parceria com a matriz e fornecedores, para minimizar os efeitos da escassez de semicondutores para a produção em suas fábricas no Brasil. Entretanto, o cenário atual não demostra o encaminhamento para uma solução definitiva visando a normalização do fornecimento de chips. Ao contrário, há sérios riscos de agravamento dessa situação nas próximas semanas.

Com base nisso, A Volkswagen do Brasil comunica a paralisação das operações de suas áreas produtivas nas fábricas de São Bernardo do Campo e São Carlos, no Estado de São Paulo, e de São José dos Pinhais, no Estado do Paraná, a partir de 21 de junho, pelo período de 10 dias.

Novas paralisações não estão descartadas futuramente caso o cenário global de fornecimento de semicondutores permaneça crítico, impactando diretamente as atividades de produção da empresa no Brasil.

(Divulgação)

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="769649" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]