Eleições 2020: Veja o que Marisa Lobo pretende fazer se for eleita prefeita de Curitiba

Redação

marisa lobo, candidata, prefeita, curitiba, candidatos prefeitura curitiba, candidatos a prefeito de curitiba, eleições, eleição, eleições 2020

Marisa Lobo é candidata a prefeita de Curitiba pelo Avante nas Eleições 2020. Ao Paraná Portal, ela falou sobre o que pretende fazer caso seja eleita, abordou suas principais propostas e como pretende agir durante o pós-pandemia.

1. Por que a senhora acredita que deve assumir a Prefeitura de Curitiba?

Marisa Lobo: Nosso objetivo principal é promover a melhoria da qualidade de vida do curitibano. E nossa missão também será implantar na administração pública de Curitiba princípios e valores conservadores. Vamos implementar uma  gestão eficiente, participativa e transparente, comprometida com o combate a corrupção; uma gestão pública focada no desenvolvimento e na geração de emprego e renda.

2. Quais são os principais desafios que deverá enfrentar no caso de ser eleita?

Marisa Lobo: Os principais desafios para nossa gestão serão a geração de emprego e renda e a criação de um núcleo permanente contra pandemias. Em síntese, nosso desafio será administrar com eficiência, fazendo mais e melhor com menos. Portanto, as metas estipuladas em nosso plano de governo são a base das melhorias que desejamos implantar, que somadas à participação da população irão se multiplicar.

Temos como missão principal a implantação de um bom governo com boas práticas de gestão que proporcione e garanta serviços públicos com eficiência e qualidade; promova a transparência dos atos de governo e incentive a participação do cidadão; que garanta saúde, educação de qualidade, segurança e bem-estar aos curitibanos; e que crie condições favoráveis para um crescimento econômico estável e gerador de emprego e renda.

3. Destaque suas principais propostas para resolver os problemas que a cidade possui?

Marisa Lobo: Os principais propósitos de nossa gestão serão as pessoas, portanto, nossa administração dará atenção especial a projetos que contemplem a melhoria da qualidade de vida dos curitibanos.

Em especial,  nosso programa visa estrategicamente intensificar as ações para a geração de emprego e renda, intensificando nossa atuação nas áreas de Turismo e da Cultura; e para a melhoria da qualidade de vida investiremos na primeira infância, na assistência e reintegração social e familiar, e nas políticas sobre drogas. Para atingirmos os objetivos propomos o aperfeiçoamento da legislação municipal e a criação de marcos regulamentares que visem nortear as políticas públicas destes seguimentos pelos próximos 10 anos.

Nosso plano de governo é ousado, pois não queremos apresentar propostas que sejam apenas mais do mesmo. Os  curitibanos são guerreiros, enfrentam com inteligência e com coragem os desafios e obstáculos que a vida lhes impõe. O nosso plano de governo retrata os curitibanos que somos: não abandonaremos nossas convicções nem fugiremos dos desafios postos no cumprimento do nosso propósito de construir uma cidade melhor para o povo. Cumpriremos nossos desígnios com fé e esperança de uma Curitiba melhor e mais justa.

4. Como a senhora pretende trabalhar junto aos governos estadual e federal na administração da cidade?

Marisa Lobo: Pretendemos trabalhar em parceria. Somos bolsonaristas e conservadores, portanto estamos afinados com as políticas do presidente Jair Bolsonaro. E o partido Avante está na base do governo Ratinho Junior, portanto também estamos alinhados às políticas do governo do Estado.

5. O que a senhora fará para gerar empregos e renda já que os próximos anos deverão ser difíceis devido aos impactos da pandemia?

Marisa Lobo: A geração de empregos e renda é um dos eixos principais de nosso projeto de governo. Isso significa que todas as metas de nosso plano terão como objetivo a sua implementação. A administração pública deve conhecer e explorar todas as suas potencialidades econômicas. As responsabilidades do bom gestor, não se atém apenas em prestar aos cidadãos bons serviços públicos. Em tempos de crise econômica, exige-se presteza, criatividade e eficiência na busca de alternativas que gere desenvolvimento, empregos e renda. Deve ser comprometer a não atrapalhar o empreendedorismo na cidade.

Não aceitaremos privilegiar grandes grupos em detrimento do pequeno empresário. Entendemos que todo empreendedor tem seu valor e precisa ser respeitado na tomada de decisões. Nosso objetivo principal é tornar Curitiba protagonista, tanto no planejamento urbano como no desenvolvimento econômico, transformando nossa cidade em um polo de tecnologia e inovação.

A política fiscal de Curitiba deve estimular o desenvolvimento econômico e social da cidade, combatendo o clientelismo, as políticas de estagnação econômica e o menosprezo do gestor público pelos empresários de nossa cidade. Iremos promover estudos sobre viabilidade para desoneração de micro e pequenas empresas, respeitando a lei de Responsabilidade Fiscal. Reduziremos e simplificaremos a burocracia para a abertura e fechamento das empresas e para regularização de alvarás.

Fomentaremos o desenvolvimento do comércio local nos bairros, determinando arranjos locais, priorizando a vocação econômica e social de cada território e estimulando a economia criativa, gastronômica e a economia verde. E ainda estimularemos o surgimento de novos modelos de negócios, produtos e serviços, principalmente digitais e artesanais.

O projeto deverá promover a inovação, a tecnologia e a educação empreendedora. Nosso desafio será projetar Curitiba como grande rota Turística Nacional e Internacional. Aperfeiçoar a legislação municipal e estabelecer marco regulamentar, do turismo garantindo uma política pública a longo prazo (com base na lei nº 11.771/2008). O plano deve nortear as políticas públicas do turismo pelos próximos 10 anos.


Para acompanhar o candidata, siga ela no Facebook e no Instagram.

Previous ArticleNext Article