Para confirmar permanência na Série A, Coritiba recebe o São Paulo

Francielly Azevedo


O Coritiba faz seu último jogo diante da torcida neste domingo (26), às 17h (horário de Brasília), contra o São Paulo, pela 37ª rodada. A torcida promete lotar o Couto Pereira para empurrar o alviverde em busca da vitória e garantir a permanência na Série A do Campeonato Brasileiro.

Com 43 pontos e na 15ª posição, o alviverde está a três pontos de distância do vitória, primeiro na zona de rebaixamento. Desta maneira, se vencer fica com a vaga na elite do ano que vem.

O duelo será comandado pelo árbitro Anderson Daronco, auxiliado por Rafael da Silva Alves e Elio Nepomuceno de Andrade Júnior. Ambos do Rio Grande do Sul.

Equipe

O técnico Marcelo Oliveira conta com retornos importantes. O zagueiro Cléber Reis, o atacante Rildo e o mestre das bolas paradas lateral-esquerdo Carleto voltam após cumprirem suspensão. Além do meia alemão Alexander Baumjohann, que foi relacionado após tratar um lesão e ficar seis jogos fora.

Em contrapartida, o treinador não terá à disposição o lateral-direito Léo e o atacante Kleber, que receberam o terceiro amarelo e cumprem suspensão automática.

No setor de criação, Oliveira tem feito mistério e deixou a briga aberta entre Yan Sasse e os atacantes Iago e Getterson.

Com isso, Coxa deve entrar em campo com Wilson; Dodô, Cléber Reis, Werley e Thiago Carleto; Jonas, Alan Santos, Tiago Real e Yan Sasse (Iago ou Getterson); Rildo e Henrique Almeida.

De olho no adversário

O São Paulo quer confirmar uma vaga na Sul-Americana do ano que vem e, quem sabe, continuar brigando por um lugar na pré-Libertadores, com as possibilidades de G8 ou G9, com os títulos de Flamengo (Sul-Americana) e Grêmio (Libertadores). Nas últimas quatro partidas o tricolor empatou três e perdeu uma. É o 13º colocado, com 46 pontos.

Para o compromisso com o Coritiba, o tricolor paulista não terá três titulares: Petros, suspenso, e Hernanes e Lucas Pratto, com dores musculares.  Para substituí-los Araruna, Shaylon e Brenner são as opções do técnico Dorival Júnior. Por outro lado, o treinador tem o retorno de Arboleda na zaga, após cumprir suspensão.

A provável equipe tem Sidão; Éder Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei, Araruna e Shaylon; Cueva, Marcos Guilherme e Brenner.

 

 

 

 

 

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.