Com goleada história, River Plate chega à semifinal da Libertadores

Roger Pereira


O River Plate recebeu o Jorge Wilstermann, da Bolívia, em Buenos Aires, com uma missão delicada: reverter um placar de 3 a 0 construído pelos adversários no primeiro jogo. Se o desafio era golear, o time argentino cumpriu com sobras, fazendo um histórico 8 a 0 sobre os bolivianos.

O placar que precisava ser revertido foi alcançado logo com 19 minutos do primeiro tempo. Com três gols de Scocco, o River construiu o marcador que, ao menos, levaria a decisão para os pênaltis. Mas, ainda no primeiro tempo, aos 35 minutos, Scocco, desta vez, foi o garçom e deu passe certeiro para Enzo Pérez ampliar.

Mesmo já com a classificação garantida, o River continuou com o massacre na etapa final e fez mais 4, outros dois de Scocco, que terminou a partida com 5 gols anotados.

Classificado e com muita moral, na semifinal o River Plate enfrenta o Lanús, que bateu o San Lorenzo nos pênaltis, após vencer por 2 a 0 no tempo normal.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="455988" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]