Com arbitragem polêmica, Paraná Clube vence o Criciúma de virada

Francielly Azevedo


Com casa cheia, o Paraná Clube venceu o Criciúma, na noite desta sexta-feira (13), na Vila Capanema, pela 29ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Mais de 12.500 pessoas estavam presentes na partida eletrizante. O Tigre saiu na frente, mas o Tricolor correu atrás do prejuízo e garantiu o 2 a 1.

Com o resultado, o Paraná ocupa a vice-liderança momentânea da Série B, somando 52 pontos. Já o Criciúma permanece na oitava posição, com 42 pontos.

Um para cada lado

O Tigre foi quem apareceu primeiro no jogo. Aos três minutos, Alex Maranhão cobrou falta e carimbou a trave, só que o juiz não tinha autorizado. O lance teve que ser repetido. Maranhão bateu de novo, a bola passou pela barreira, quicou na frente do goleiro Douglas e morreu no fundo das redes.

O Criciúma ainda arriscou com Giarreta, que limpou a marcação e carimbou a trave esquerda de Douglas. Após isso, o Paraná acordou. Aos 12 minutos, Alemão foi derrubado na área, porém o juiz não assinalou o pênalti.

A investida paranista foi dando resultado. Aos 16 minutos, Renatinho limpou o goleiro e bateu pro gol, mas o zagueiro catarinense tirou, praticamente em cima da linha. No escanteio, o meia paranista fez o levantamento e Maidana subiu no terceiro andar para empatar o placar.

O Tricolor seguiu na pressão. Até que, aos 48 minutos, ficou com um a mais em campo. O goleiro Luiz colocou a mão na bola fora da área e terminou expulso. O arqueiro Edson entrou na equipe catarinense e logo fez belíssima defesa no chute de João Pedro.

A virada

O Paraná voltou a todo vapor para o segundo tempo. Logo no primeiro minuto, Brock mandou uma bomba de fora da área e Edson defendeu.

Aos sete minutos a polêmica tomou conta da partida. Ianson fez falta em Cristovam, o juiz decretou pênalti. Com muita reclamação do Criciúma, o árbitro conversou com os assistentes e voltou atrás na decisão, anulando a penalidade, depois de quatro minutos de paralisação.

Só que o Tricolor não se deixou abater e, aos 13 minutos, conseguiu a virada. João Pedro cobrou falta da intermediária e acertou a gaveta.

O time paranista chegou próximo ao terceiro gol, quando Alemão tabelou com Gabriel Dias, mas o volante não conseguiu arrematar para as redes. O atacante Tricolor ficou na bronca com o colega de equipe.

O Paraná administrou a partida e garantiu os três pontos na luta pelo acesso.

Próxima rodada

Na terça-feira (17), o Paraná enfrenta o Ceará, no Castelão, às 20h30 (horário de Brasília), em mais um confronto direto. Já o Criciúma recebe o Vila Nova, no mesmo horário, em Santa Catarina.

 

 

Previous ArticleNext Article
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.
[post_explorer post_id="460248" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]