Agüero desperdiça pênalti dado pelo VAR e Tottenham derrota Manchester City

O Tottenham venceu o Manchester City por 1 a 0 nesta terça-feira (9) e abriu vantagem nas quartas de final da Liga dos C..

Vinicius Cordeiro - 09 de abril de 2019, 17:56

Foto: Divulgação / Twitter Tottenham
Foto: Divulgação / Twitter Tottenham

O Tottenham venceu o Manchester City por 1 a 0 nesta terça-feira (9) e abriu vantagem nas quartas de final da Liga dos Campeões 2018/2019. Sergio Agüero desperdiçou um pênalti, marcado com o uso do VAR (árbitro de vídeo) e viu o coreano Son garantir o triunfo dos Spurs.

O confronto aconteceu no Tottenham Hotspur Stadium, em Londres, que sediou um jogo da competição pela primeira vez.

As equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira (17), às 16h (horário de Brasília), no Eitthad Stadium. Já que a competição não tem o critério do gol fora de casa, o time comandado por Pep Guardiola precisa vencer o time londrino. Caso o resultado seja 1 a 0 a favor do time de Manchester, a decisão vai para as penalidades.

No outro jogo, o Liverpool venceu o Porto por 2 a 0 e também saiu na frente. Manchester United x Barcelona e Ajax x Juventus completam os jogos desta semana do maior torneio entre clubes do mundo.

https://twitter.com/SpursOfficial/status/1115724348273328134

PÊNALTI DO VAR

O jogo começou com muita intensidade das duas equipes. Aos 11 minutos, Sterling cortou para o meio arrematou. O lateral esquerdo Danny Rose deu um carrinho para bloquear o chute, mas acabou desviando a bola com o braço. O árbitro de vídeo (VAR) confirmou a infração do defensor e o árbitro Björn Kuipers assinalou a penalidade. Agüero foi para a cobrança, mas o goleiro francês Lloris acertou o canto e conseguiu espalmar.

O lance deu sobrevida aos donos da casa, que assustaram aos 23, quando Harry Kane exigiu boa defesa de Éderson.

A partir daí, o Tottenham foi mais presente no campo de ataque, mas o destaque principal ficou por conta dos combates no meio campo. Fernandinho incomodou muito os Spurs durante os 90 minutos.

Na etapa final, Éderson interviu bem em dois chutes de Son nos primeiros cinco minutos. Aos 10 minutos, Harry Kane levou um pisão de Delph e saiu direto para o vestiário, dando lugar a Lucas Moura. Ele entrou no jogo aos 12 minutos e viu seu companheiro de ataque brilhar aos 33 do segundo tempo. Eriksen lançou para Son, que evitou a saída da bola pela linha de fundo. Ele levou para o pé esquerdo e bateu firme para superar o goleiro brasileiro.

Com a desvantagem, o City sufocou o Tottenham no final do jogo, mas Lloris voltou a aparecer bem e garantir o resultado favorável aos Spurs.