Alex Alves e Julio Rusch desfalcam Coritiba, mas Eduardo Baptista pode ter até cinco retornos

Francielly Azevedo


O Coritiba voltou de Varginha com um empate na bagagem após ficar no 1 a 1 com o Boa Esporte, lanterna da Série B, no último sábado (21). Agora o alviverde retoma os treinamentos já nesta segunda-feira (21), focado no próximo compromisso contra o Vila Nova, na sexta-feira (25), às 21h30 (de Brasília), no Couto Pereira. Para essa partida, o técnico Eduardo Baptista não poderá contar com Julio Rusch e Alex Alves, em contrapartida poderá ter até cinco retornos ao elenco.

O volante Julio Rusch recebeu o terceiro cartão amarelo aos 23 minutos do segundo tempo. Já Alex Alves foi amarelado pouco depois, aos 34. Ambos cumprem suspensão pelo acumulo de cartões.

Outra dúvida é a presença do zagueiro Thalisson Kelven. O jogador sofreu uma pancada na costela e precisou ser substituído no jogo de sábado. Ele deve passar por exames médicos complementares nesta segunda-feira.

A boa notícia é que nesta semana o treinador pode ter o retorno de alguns atletas recuperados pelo departamento médico: o atacante Iago Dias, com entorse no tornozelo, o zagueiro Romércio, com problema no púbis, o volante Vinícius Kiss, com lesão na coxa, o lateral-esquerdo Abder, com dores musculares, e o meia Thiago Lopes, com lesão na coxa.

Porém, o lateral-esquerdo William Matheus ainda não deve ficar disponível, porque sofreu uma grave lesão no tornozelo, contra o Uberlândia, pela Copa do Brasil, em fevereiro. Ele já treina com o grupo, mas ainda não está totalmente recuperado fisicamente.

Com o empate do último sábado, o Coxa desperdiçou a chance de entrar no G4 da Série B. Está em sexto na tabela, com 11 pontos, apenas um de distância do Paysandu, quarto colocado.

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.