Após lambança, Meira Ricci e auxiliares vão apitar na Índia

Redação


O árbitro Sandro Meira Ricci e seus auxiliares Emerson Carvalho e Marcelo Van Gasse, protagonistas na trapalhada que culminou na suspensão do resultado entre Flamengo e Fluminense, vão passar um tempo na Índia para apitar algumas partidas da Superliga Indiana. O retorno deles está previsto para a primeira semana de novembro e, no mínimo, ficam fora da escala das próximas quatro rodadas do Campeonato Brasileiro. Apesar disso, a possibilidade de eles não apitarem mais é grande, após as complicações que resultaram na anulação do jogo.

O trio aceitou um convite da federação de futebol da Índia e viajou no último sábado. Em 21 de maio, a CBF recebeu um ofício dos indianos convidando todos os árbitros e assistentes homens (só homens) da categoria Fifa para atuar por lá e somente o trio encabeçado por Ricci aceitou. A entidade brasileira enviou resposta no dia 17 de junho.

Antes de viajarem, porém, eles tiveram que detalhar lances e aspectos do jogo ao corregedor da arbitragem, Edson Rezende.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="391873" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]