Athletico: Valentim lamenta empate na Libertadores e promete evolução

O técnico Alberto Valentim lamentou o empate do Athletico na estreia na Libertadores contra o Caracas em 0 a 0

Pedro Melo - 05 de abril de 2022, 21:55

(Staff Images/Conmebol)
(Staff Images/Conmebol)

O técnico Alberto Valentim lamentou o empate do Athletico na estreia na Libertadores contra o Caracas em 0 a 0. Em entrevista coletiva, o treinador rubro-negro afirmou que a equipe não repetiu os bons treinamentos que antecederam ao jogo na capital venezuelana.

"A nossa preparação foi muito boa. Fizemos sessões muito boas dentro do que queríamos para o jogo. Não conseguimos repetir dentro do jogo de hoje coisas que fizemos em Curitiba nos treinos. Mesmo aparecendo algumas jogadas para fazer o gol, não concluímos resultando em gols. Não era o que queríamos obviamente, mas temos que recuperar bem", afirmou o treinador.

Em relação ao time, as principais novidades entre os titulares foram o lateral-direito Orejuela e o zagueiro Lucas Halter. Além deles, o volante Hugo Moura e os atacantes Pablo, Marcelo Cirino e Cuello também tiveram a chance de começar a partida. Já os meias Marlos e Vitor Bueno entraram no segundo tempo.

"Optei pelo Orejuela, um jogador que nos daria condição de ataque também. Sabia que não poderia ter o ritmo forte durante o jogo e seria uma substituição previsto. Resto eram jogadores que já vinham jogando, eu queria um desenho mais ofensivo, mas não conseguimos repetir os bons treinos. O que sempre falo é que todos precisam estar prontos para que elevem o nível da equipe quando entrarem", explicou o comandante rubro-negro.

A temporada do Athletico não começou da maneira esperada pelo torcedor. Além do tropeço na estreia na Libertadores, o Furacão perdeu a Recopa para o Palmeiras e caiu na semifinal do Campeonato Paranaense para o Coritiba.

Mesmo com o início abaixo da expectativa, Valentim confia em evolução do Rubro-Negro nas próximas partidas. "Nós vamos evoluir, e muito. Vamos ter menos tempo para treino, mas tivemos bons treinamentos. O grupo se fortaleceu, cresceu a nossa qualidade e hoje a gente poderia ter feito um pouco mais individual e coletivamente também", disse.

Sem tempo de descanso, o Athletico volta a campo no próximo domingo (10), às 19h, para enfrentar o São Paulo, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

AGENDA DO ATHLETICO

  • São Paulo - domingo (10/04), às 19h, no Morumbi
  • The Strongest - quinta-feira (14/04), às 19h, na Arena da Baixada