Athletico bate o Fortaleza e volta à liderança do Brasileirão

Vinicius Cordeiro

athletico fortaleza brasileirão

Com início avassalador, o Athletico venceu o Fortaleza por 2 a 1 e vai dormir neste sábado (3) como líder da Série A do Campeonato Brasileiro. O duelo, válido pela nona rodada, foi realizado na Arena da Baixada, em Curitiba, e definido com gols do meia David Terans e do atacante Matheus Babi. No fim, os visitantes descontaram com gol do atacante Igor Torres.

Com o triunfo, o Furacão encerra a série de dois jogos sem vencer (derrota para o Bahia e empate com Chapecoense) e chega aos 19 pontos. O Bragantino, com um ponto a menos, encara o São Paulo neste domingo (4) e precisa vencer para tirar o Athletico do topo da tabela.

Já o Fortaleza amarga o quinto jogo sem vitória, mas permanece com 15 pontos e aparece provisoriamente na quarta colocação.

O Athletico se prepara agora para visitar o Santos. O jogo está marcado para a próxima terça-feira (6), às 19h30, na Vila Belmiro. Na quarta (7), às 19h, o Fortaleza recebe o América-MG na Arena Castelão.

ATHLETICO DEFINE NO PRIMEIRO TEMPO, SUPORTA PRESSÃO E SEGURA TRIUNFO SOBRE O FORTALEZA 

O Furacão começou o jogo com ritmo eletrizante e abriu o placar logo no primeiro minuto. Após triangulação de Abner, Nikão e Christian, Vitinho recebeu pela esquerda e cruzou rasteiro para David Terans. O meia uruguaio girou e bateu firme para balançar as redes.

O segundo saiu após bola parada. Terans cobrou o escanteio e a defesa afastou, mas a bola voltou para o uruguaio. Ele cruzou de novo e Felipe Alves defendeu a cabeçada de Thiago Heleno. No rebote, Vitinho bateu cruzado e Matheus Babi completou para as redes.

Aos 12 minutos, Nikão arriscou uma bomba de longe e carimbou o travessão. Matheus Babi mandou por cima e o Fortaleza só assustou com chutes de Matheus Vargas e Lucas Crispim. Em grande atuação, Babi quase anotou o terceiro depois de receber de Terans, mas Felipe Alves espalmou pela linha de fundo.

Na etapa final, o Fortaleza buscou a reação. Yago Pikachu chutou pela rede do lado de fora, Robson mandou pela linha de fundo de bicicleta e Matheus Vargas mandou por cima.

O Leão chegou ao gol 40 minutos da etapa final. Lucas Crispim lançou na área e Ederson ajeitou para Igor Torres bater firme e contar com um desvio para enganar Santos.

Apesar do sufoco nos acréscimos, o Athletico conseguiu segurar bem a vantagem e garantiu a liderança provisória.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="773617" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]