Athletico anuncia contratação do meia Jorginho, ex-Atlético-GO

Redação

jorginho athletico atlético

O Athletico Paranaense anunciou nesta sexta-feira (11) que fechou contrato com o meio campista Jorginho, ex-Atlético-GO. O jogador de 29 anos chega para assumir a camisa 10 do Furacão, deixada por Marquinhos Gabriel, e se tornar titular para a disputa da Libertadores da América.

O vínculo foi assinado hoje e vale até dezembro de 2022. Jorginho vinha sendo o principal nome da equipe goiana na Série A, mas foi pivô de uma confusão no Dragão. Ele ficou de fora dos relacionados para o jogo contra o Fluminense sob justificativa que foi poupado. No entanto, o atleta desmentiu a informação e quis ser negociado.

“Fiquei muito feliz quando surgiu o interesse do Athletico Paranaense. Não pensei duas vezes em vestir essa camisa. Todo mundo me recebeu muito bem e fiquei admirado com a estrutura do Clube. Junto com os meus companheiros, espero conseguir todos nossos objetivos”, afirmou Jorginho em entrevista ao site oficial do clube.

Jorginho foi revelado pelo Vila Nova e chegou a ser emprestado para Seongnam IC, da Coreia do Sul, e o Al-Qadisiya, da Arábia Saudita, mas tem história no Atlético-GO. Foi campeão da Série B em 2016 e participou da campanha do acesso à Primeira Divisão no ano passado.

Ele já está regularizado no BID (Boletim Informativo Desportivo) e pode estrear neste sábado (12), no clássico contra o Coritiba. No entanto, a tendência é que ele fique no banco de reservas

PRESIDENTE DO ATLÉTICO EXPLICA NEGOCIAÇÃO DE JORGINHO

Pelo Twitter, o presidente do Atlético Goianiense, Adson Batista, explicou os moldes da negociação por Jorginho. Segundo ele, o time goiano fica com 50% dos direitos do atleta e vai receber jogadores do Athletico-PR em contrapartida.

Os dois clubes têm boas relações e fazem negócio frequentemente. O lateral esquerdo Nicolas, por exemplo, está emprestado ao Dragão por parte dos paraanenses.

“O Atlético continua com 50% dos direitos do atleta [Jorginho], além de ter recebido uma compensação financeira pela venda. Além disso, o clube irá receber futuramente, em parceria com o Athletico, alguns atletas que possam melhorar ainda mais o plantel do Atlético na disputa do Brasileirão”, disse ele.

Apesar da venda, ele disse que os valores não foram tão altos, mas que ajudarão para pagar as contas da reforma do estádio Antônio Accioly.

“A boa relação entre os clubes foi determinante para concretizar da negociação. A compensação financeira não é grande, porém, o clube aposta em uma futura revenda deu seus 50%, já que o Athletico irá disputar a Libertadores e outros grandes torneios”, completou.

Previous ArticleNext Article