Athletico toma gol cedo e é derrotado pelo Colo Colo na Libertadores

Jorge de Sousa

Pablo Mouche - Jandrei - Colo Colo - Athletico Paranaense - Copa Libertadores

Após ter as redes balançadas aos dez minutos de jogo, o Athletico Paranaense não superou a retranca do Colo Colo e foi derrotado por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (11), perdendo sua invencibilidade na Copa Libertadores da América.

O duelo foi realizado na Estádio Monumental David Arellano, em Santiago, no Chile.

O Athletico está no Grupo C da Copa Libertadores, que além do Colo Colo também conta com Peñarol e o Jorge Wilsterman. Ambas as equipes também se enfrentaram nesta quarta-feira e os uruguaios venceram por 1 a 0.

O Colo Colo está sendo treinado de forma interina por Mario Salas, sendo que o ex-técnico do Atlético Mineiro, Rafael Dudamel é o favorito para assumir o cargo.

Antes da terceira rodada, todas as quatro equipes da chave venceram uma partida e estão empatadas na liderança com três pontos ganhos.

ATHLETIBA MISTO 

Devido ao duelo contra o Jorge Wilsterman na Bolívia na próxima terça-feira (17), o Athletico irá enfrentar o Coritiba com time misto neste domingo (15).

O Athletiba será disputado no Couto Pereira e será válido pela última rodada da primeira fase do Campeonato Paranaense.

Se os aspirantes do Athletico segurarem um empate contra o Coritiba, a equipe irá terminar como líder da primeira fase do Paranaense e com boas chances de encarar o Paraná Clube nas quartas de final.

FALTOU PONTARIA

Pablo Mouche - Robson Bambu - Colo Colo - Athletico Paranaense - Copa Libertadores
Robson Bambu teve atuação ruim, com dois erros que por pouco não terminaram em gols do Colo Colo. (Reprodução/Twitter Colo Colo)

O Colo Colo abriu o placar logo aos dez minutos de jogo. Bolados fez bom avanço pela direita e cruzou na medida para Pablo Mouche escorar para o fundo das redes.

Thiago Heleno ficou perto duas vezes de empatar o jogo. Primeiro aos 21 minutos, Adriano bateu escanteio da direita e o zagueiro cabeceou firme para Cortés espalmar por cima da meta. Em novo escanteio de Adriano, Thiago Heleno mais uma vez ganhou pelo alto e escorou perto do poste esquerdo.

Ainda de tempo de Bissoli perder boa chance para o empate. Adriano lançou Carlos Eduardo na esquerda e o meia cruzou na medida para o atacante, que finalizou de primeira ao lado do poste direito.

Jandrei salvou o Athletico aos 17 minutos do segundo tempo. Após erro de Robson Bambu, Leonardo Valencia lançou Blandi na área, mas o goleiro foi ágil na saída e conseguiu fazer o corte.

Robson Bambu errou novamente aos 21 minutos, deixando a bola nos pés de Leonardo Valencia. O meia arriscou o chute da entrada da área e a bola passou perto do poste esquerdo.

Léo Cittadini perdeu grande chance para empatar a partida aos 38 minutos. Nikão deu passe de ombro e o volante invadiu a área, mas o chute cruzado passou à esquerda da meta.

Jandrei salvou mais uma vez o Athletico aos 45 minutos. Leonardo Valencia encontrou Mouche na área e o argentino finalizou firme, mas o goleiro bem colocado espalmou.

O Athletico ainda conseguiu criar uma última chance. Nikão cobrou escanteio da direita e Thiago Heleno escorou no primeiro poste e Vitinho chegou atrasado para concluir para a meta vazia.

Após o final do jogo, Jandrei deu um chute na bola no meio de campo e a bola quase acertou a orelha do árbitro, que expulsou de forma direta o goleiro.

Previous ArticleNext Article