Athletico segura empate com Atlético-GO e avança às quartas da Copa do Brasil

Jorge de Sousa

Athletico segura empate com Atlético-GO e avança as quartas da Copa do Brasil

O Athletico empatou com o Atlético-GO por 2 a 2 na noite desta quarta-feira (4) e garantiu vaga nas quartas de final da Copa do Brasil.

Christian e Renato Kayzer marcaram os gols do Athletico no duelo realizado no Antônio Accioly, em Goiânia, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19. Zé Roberto e Éder empataram para o Atlético-GO.

A classificação para as quartas de final irá render mais R$ 3,45 milhões em premiação ao Athletico-PR, que já acumula R$ 5.635 milhões por ter chego as oitavas de final.

O sorteio dos confrontos das quartas de final da Copa do Brasil será realizado nesta sexta-feira (6), às 15h, na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).

COM VAR ATUANTE, ATHLETICO CONSEGUE EMPATE EM GOIÂNIA

Mesmo com desvantagem no placar, o Atlético-GO conseguiu apenas aos 19 minutos criar uma boa chance de perigo. Aos 19 minutos, João Paulo lançou Dudu na direita e o lateral finalizou cruzado, rente ao poste direito.

Nova chance do Atlético-GO aos 38 minutos. Marcinho erra na saída de bola e João Paulo lançou rápido Janderson, que cortou para o meio e foi bloqueado na hora da finalização.

Só que foi o Athletico quem abriu o placar aos 44 minutos. Nikão tabelou com Renato Kayzer na direita e rolou para a entrada da área, onde Christian finalizou colocado no canto direito.

O Atlético-GO tentou responder logo no primeiro minutos do segundo tempo. Artur Gomes foi lançado na esquerda, puxou para o centro e finalizou rente ao poste direito.

Aos oito minutos, Richard tentou cortar a bola e acertou a perna de Zé Roberto. O árbitro Bruno Arleu de Araújo foi checar o lance no VAR e assinalou a penalidade.

Zé Roberto pediu a bola e bateu colocado no canto esquerdo para empatar o jogo.

O Athletico melhorou após o gol sofrido e aos 18 minutos teve boa chance para marcar. Terans bateu falta da entrada da área, Fernando Miguel resvalou na bola, que explodiu no travessão.

Só que aos 20 minutos, Renato Kayzer foi lançado na área e derrubado por Éder. Pênalti para o Athletico, que Nikão cobrou rasteiro no canto direito para Fernando Miguel espalmar.

Mas o VAR assinalou que Fernando Miguel se adiantou e Bruno Arleu de Araújo mandou a penalidade ser batida novamente. Dessa vez, Renato Kayzer foi para a cobrança e bateu firme no canto direito para recolocar o Athletico na frente do placar.

O VAR voltou a aparecer aos 33 minutos. Renato Kayzer acionou Nikão na direita e o meia serviu Richard, com o volante cruzando rasteiro para Kayzer completar para as redes. Mas a arbitragem de vídeo assinalou impedimento de Nikão e anulou o gol.

Nikão ainda perdeu uma chance clara para matar o jogo aos 38 minutos. Renato Kayzer avançou pela direita e cruzou em arco para o meia finalizar de carrinho, mas isolar a bola.

Ainda deu tempo do Atlético-GO empatar a partida aos 51 minutos. Arnaldo cruzou da direita, Lucão testou firme, Bento espalmou para frente e Éder empurrou a bola para as redes.

LEIA MAIS: Paraná Clube: FDA Sports atrasa pagamento e parceria corre risco de terminar

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="780914" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]