8 a 2: Athletico atropela o Toledo, campeão do primeiro turno

Francielly Azevedo


O Athletico goleou o Toledo, neste domingo (10), na Arena da Baixada, na estreia da Taça Dirceu Krüger, válida pelo segundo turno do Campeonato Paranaense. O Porco é o campeão da primeira Taça da competição e garantiu vaga direta na grande final do estadual.

O rubro-negro não deu espaço aos visitantes e logo abriu o placar aos três minutos. Bergson ajeitou para Marquinho, que de primeira mandou uma pancada para as redes.

O Toledo respondeu no minuto seguinte, mas sem efetividade para concluir ao gol. Só que o Furacão não se deixou intimidar e seguiu na pressão. Aos 11, teve um gol anulado, quando Bergson completou para as redes, mas o árbitro viu posição de impedimento.

Seis minutos mais tarde, Marquinho brilhou novamente. Bergson fez a jogada pela direita e passou para o volante balançar as redes e fazer 2 a 0.

Após servir duas vezes e quase marcar, Bergson finalmente acertou a meta aos 34. O atleta arrumou a bola fora da área e mandou uma bomba rasteira no cantinho, sem chance para André Luiz.

Ainda na etapa inicial, Julio Pacato arriscou pelo Toledo, mas Leo defendeu.

Na volta do intervalo, o Furacão seguiu no mesmo ritmo e aos sete transformou o placar em goleada. Após escanteio, Bergson cabeceou, mas a bola sofreu um desvio e foi parar com Lucas Halter, que emendou para fazer 4 a 0.

Mas não parou por aí. Aos 14 teve mais bola na rede. Jaderson tocou a bola com Bergson, que fez o quinto gol do Furacão.

O duelo seguiu e aos 23 saiu o tão sofrido gol do Toledo. Matheus Duarte sofreu pênalti. Julio Pacato foi para cobrança e não desperdiçou.

Porém, a situação que já não era fácil para o Porco, ficou ainda pior. Aos 25, Neto cometeu falta em Lucas Halter e terminou expulso. Com um a menos, o Toledo continuou massacrado e aos 27 viu o sexto gol atleticano. Matheus Anjos recebeu a bola na área, fez o giro e mandou pro fundo da meta.

O chocolate rubro-negro ainda não estava completo. Aos 33, o árbitro marcou pênalti. Bruno Rodrigues, com categoria, fez o 7 a 1 do Athletico.

A chuva de gols continuou. Aos 40, Vitor Naum, depois da cobrança de falta, cabeceou para fazer o oitavo gol do furacão e pra finalizar, o Porco descontou mais uma vez, aos 44. Jonathan ficou com a sobra na grande área e com a perna esquerda finalizou o placar de Athletico 8 a 2 no Toledo.

 

Previous ArticleNext Article
Avatar
Jornalista, formada pela Universidade Tuiuti do Paraná. Tem passagens pela TV Educativa, TV Assembleia, TV Transamérica, CATVE, Rádio Iguassu e Folha de Londrina. Atualmente trabalha no Paraná Portal e na Rádio CBN.