Após maior goleada na Libertadores, Athletico mira duelo contra o Boca

Vinicius Cordeiro

Jorge Wilstermann - Athletico Paranaense - Copa Libertadores da América - Clausura - Campeonato Boliviano

A goleada por 4 a 0 sobre o Jorge Wilstermann foi o placar mais elástico que o Athletico já teve em suas seis participações de Libertadores. Antes, havia vencido rivais, no máximo, por 3 a 0. Foi assim contra o Alianza Lima em 2000, Chivas Guadalajara pela semifinal de 2005 e o Universitario, em 2014.

Confiante após o duelo contra os bolivianos, o Furacão pretende fazer mais história. A próxima partida do clube é contra o Boca Juniors, o segundo maior campeão da competição com seis troféus – perde apenas para o Independiente, com sete títulos. O embate diante os hermanos está marcado para o dia 2 de abril (terça-feira), às 21h30, na Arena da Baixada.

São 18 dias até a data do confronto, mas o Athletico já mostra atenção total para terceiro jogo da fase de grupos. “Temos duas semanas para nos preparar. Todos querem jogar e vai ser um jogo para decidir o grupo”, declarou o volante Camacho. Já o meia Nikão pregou respeito, mas valorizou a equipe rubro-negra. “Sabemos da nossa qualidade e que podemos surpreender. Vamos respeitar a historia deles, mas isso não entra em campo”, projetou.

Por fim, o técnico Tiago Nunes pregou: “Não precisa falar da estrutura e da historia. Eles têm um potencial imenso e jogadores que desequilibram, mas temos totais condições de vencê-los”.

Com três pontos, o Athletico é o segundo lugar do Grupo G, um ponto atrás dos argentinos. O Tolima perde no sado de gols para o Furacão e aparece na terceira posição, enquanto o Jorge Wilstermann fica em último com um ponto somado.

Pelo Estadual, o Athletico se prepara para enfrentar o Maringá neste domingo (17), às 16h, no Estádio Regional Willie Davids. Entretanto, por mais um ano, quem disputa o Campeonato Paranaense 2019 é o time de aspirantes do clube. Neste ano, a equipe é treinada por Rafael Guanaes.

LEIA TAMBÉM: 

>>>Tiago Nunes projeta equilíbrio até a última rodada do Grupo G na Libertadores

>>> Juca Kfouri: Um show do Furacão!

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="602210" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]