Londrina busca empate contra Athletico e mantém duelo aberto no Paranaense

Jorge de Sousa

Londrina busca empate contra Athletico e mantém duelo aberto no Paranaense

O Londrina buscou um empate nos minutos finais em 1 a 1 contra o Athletico na noite deste domingo (19), mantendo o duelo das quartas de final do Campeonato Paranaense aberto.

Léo Cittadini abriu o placar aos dois minutos da segunda etapa e Júnior Pirambu igualou o marcador aos 43 minutos da etapa final.

A partida foi realizada no Ubirajara Medeiros, em Cornélio Procópio, após a Prefeitura de Londrina não autorizar eventos esportivos na cidade.

A FPF (Federação Paranaense de Futebol) ainda não confirmou oficialmente a data do jogo de volta, mas segundo a DAZN (detentora dos direitos de transmissão do torneio) a partida será realizada nesta quinta-feira (23), às 18 horas.

As quartas de final do Campeonato Paranaense foram abertas neste sábado (18) com as vitórias do FC Cascavel por 3 a 0 sobre o Rio Branco e do Operário por 1 a 0 contra o Cianorte.

Neste domingo, o Coritiba venceu o Paraná Clube por 1 a 0 e também abriu vantagem em busca de uma vaga nas semifinais do Campeonato Paranaense.

ATHLETICO COM TITULARES E LONDRINA DESFALCADO

Alemão orienta os 16 atletas relacionados pelo Londrina antes do início do jogo. (Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube)

Nos últimos anos o Athletico tem utilizado reservas no Campeonato Paranaense, fato que não impediu que a equipe seja a atual bicampeã do torneio.

Mas com a paralisação do futebol brasileiro devido a pandemia da Covid-19 o técnico Dorival Júnior decidiu colocar os titulares em campo para preparar o elenco para o Campeonato Brasileiro.

Já do lado do Londrina a pandemia gerou a saída de alguns jogadores do elenco e por isso a equipe contava com apenas quatro atletas de linha e um goleiro no banco de reservas.

Para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série C o Londrina acertou a contratação dos zagueiros Fernando Timbó e Jeferson Silva e também do volante Marcel Pereira.

Fernando Timbó é um nome conhecido no futebol paranaense, tendo defendido o Paraná Clube na última temporada.

JÚNIOR PIRAMBU VAI DO INFERNO AO CÉU

Do pênalti perdido ao gol salvador. Tudo isso somente no segundo tempo de jogo. (Gustavo Oliveira/Londrina Esporte Clube)

Com seu time titular, o Athletico desde o início da partida controlou o ritmo do jogo. A equipe contou com uma atuação inspirada de Nikão para vencer a marcação do Londrina.

Nikão apareceu bem logo aos nove minutos de jogo. O meia recebeu na direita, puxou para o meio e finalizou firme ao lado do poste direito.

Aos 14 minutos, Marquinhos Gabriel ficou perto de marcar o gol. Carlos Eduardo cruzou na medida para o meia finalizar, mas a bola explodiu na zaga e passou perto do travessão.

Carlos Eduardo novamente fez boa jogada pela esquerda. Dessa vez aos 22 minutos, o atacante cruzou rasteiro para o segundo poste, mas Nikão não conseguiu chegar a tempo de concluir.

Matheus Albino apareceu pela primeira vez aos 24 minutos. Nikão recebeu na entrada da área e finalizou cruzado para o arqueiro espalmar para a linha de fundo.

O duelo Nikão e Matheus Albino seguiu aos 29 minutos. Novamente o meia trouxe a bola por dentro e chutou firme, com a bola indo mais uma vez à direita da meta.

Marquinhos Gabriel teve nova chance aos 31 minutos. Márcio Azevedo cruzou da esquerda e o meia cabeceou perto do travessão.

Só que aos 32 minutos, Matheus Albino fez um milagre em Cornélio Procópio. Nikão foi lançado na área, driblou o goleiro e rolou para Bissoli (livre na pequena área). O atacante finalizou de primeira, mas Albino conseguiu se recuperar e espalmar em cima da linha.

Mas logo aos dois minutos do segundo tempo, Felipe Camillo deu um presente para o Athletico. O volante tentou sair driblando na entrada da área, mas foi desarmado por Léo Cittadini, que invadiu a área e finalizou cruzado para balançar as redes.

Nikão fez nova boa jogada aos 17 minutos. O meia invadiu a área pela direita e cruzou rasteiro, mas nenhum atleta fechou a jogada.

A primeira chance de gol do Londrina foi criada no lance seguinte. Ruster Santos disparou pelo meio e da entrada da área finalizou no poste direito.

Aos 23 minutos, Pastor cruzou na entrada da área e Bruno Leite derrubou Uelber. Pênalti para o Londrina assinalado por Paulo Roberto Alves Jr.

Júnior Pirambu foi para a cobrança e bateu firme no canto esquerdo, mas Santos voou na bola e conseguiu espalmar. No rebote, Raí Ramos finalizou da pequena área e o goleiro novamente salvou o Athletico.

O Athletico respondeu aos 29 minutos. Léo Cittadini arriscou da intermediária, a bola desviou e Matheus Albino se esticou para mandar para escanteio.

Só que aos 43 minutos, Pastor cruzou no meio da área, Igor Paixão desviou para o segundo poste e a bola ficou com Júnior Pirambu. Sem ângulo o atacante finalizou e a bola passou por Santos rente ao poste.

Carlos Eduardo ainda teve a chance de garantir a vitória do Athletico no minutos seguinte. Lucho Gonzalez finalizou firme, a bola desviou na zaga e sobrou limpa para o atacante, que pegou fraco e Matheus Albino fez firme defesa.

Previous ArticleNext Article