Athletico: Marcelo Cirino rompe ligamento do joelho e não joga mais em 2022

O atacante voltou ao Furacão em março, na terceira passagem pelo clube, e encerra a temporada com 17 jogos e nenhum gol marcado.

Vinicius Cordeiro - 01 de agosto de 2022, 15:04

Foto: Gustavo Oliveira/athletico.com.br
Foto: Gustavo Oliveira/athletico.com.br

O atacante Marcelo Cirino não vai entrar em campo pelo Athletico em 2022. O jogador de 30 anos teve o rompimento do ligamento do joelho diagnosticado nesta segunda-feira (1) após ter saído de campo com muitas dores na vitória por 1 a 0 contra o São Paulo, pelo Brasileirão.

A tendência é que sejam pelo menos seis meses de recuperação da lesão.

Cirino entrou em campo aos 24 minutos da etapa final, no lugar do uruguaio Canobbio, e caiu no gramado nos acréscimos. Já que o Athletico havia feito todas as substituições, o time jogou os minutos finais com um homem a menos.

"O assunto principal no vestiário foi a possibilidade de lesão do Cirino. Nós fizemos uma oração para que a lesão seja mínima porque doía bastante", disse o técnico Luiz Felipe Scolari na coletiva após a partida.

Vale lembrar que Marcelo Cirino foi anunciado em março e está na terceira passagem pelo Athletico. Ele jogou de 2009 a 2014, com empréstimo de um ano para o Vitória em 2011, e entre 2018 e 2019 - conquistando os títulos da Sul-Americana e Copa do Brasil.

Nesta temporada, ele somou 17 jogos (sendo 9 como titular) e não marcou nenhum gol.

ALÉM DE CIRINO, MARLOS TAMBÉM DEVE SER AUSÊNCIA

Outro jogador do Athletico que também pode virar desfalque para o técnico Felipão é o meia-atacante Marlos.

Ele sentiu um desconforto durante o aquecimento da partida de ontem e pode ficar de fora do jogo decisivo da Libertadores.

O Athletico encara o Estudiantes pelo jogo de ida das quartas de final da Libertadores. O duelo está marcado para às 21h30 da próxima quinta-feira (4), na Arena da Baixada, em Curitiba.

Para voltar à semifinal do torneio continental, o Furacão fez três mudanças na lista de jogadores inscritos. Os volantes Fernandinho e Alex Santana, contratados na janela de transferências, e Kawan, do sub-20 entraram nas vagas de Lucas Halter, do volante Pablo Siles, e do atacante John Mercado. Os três atletas foram emprestados para Goiás, Cruzeiro e CSA.