Athletico Paranaense vence Fluminense em noite de Madson

Jorge de Sousa

Madson - Athletico Paranaense - Fluminense - Campeonato Brasileiro

Em noite brilhante de Madson, o Athletico Paranaense virou sobre o Fluminense e venceu por 2 a 1, na noite desta quinta-feira (17), e manteve o rival perto da zona de rebaixamento.

O Fluminense abriu o placar com Frazan, mas Madson marcou duas vezes para o Athletico Paranaense e garantiu o triunfo no 100º jogo de Tiago Nunes no comando da equipe.

O duelo válido pela 26ª rodada do Brasileirão foi realizado no Maracanã, no Rio de Janeiro.

A derrota deixa o Fluminense na 14ª posição com 29 pontos, três pontos acima do CSA, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Já o Athletico Paranaense sobe para a nona posição, com 38 pontos ganhos. Mesmo com a vaga na Libertadores da América 2020 garantida, a equipe tem a quinta melhor campanha do returno do Campeonato Brasileiro com 12 pontos conquistados.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste domingo (20), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Fluminense enfrenta o Flamengo em clássico no Maracanã, às 18h.

Já o Athletico Paranaense recebe o Palmeiras na Arena da Baixada, às 19h.

O JOGO

Logo aos três minutos o Fluminense conseguiu abrir o placar. Após escanteio, Yony Gonzalez finalizou em cima de Madson. A bola veio rápida e Frazan no susto mandou para o fundo das redes.

Aos 13 minutos, o Athletico Paranaense teve um gol anulado. Rony recebeu na área e finalizou firme para vencer Muriel. Mas com o auxílio do VAR, Rodrigo D’alonso Ferreira viu que Márcio Azevedo estava impedido no início da jogada e invalidou a jogada.

O Fluminense respondeu aos 17 minutos. Nenê encontrou Gilberto, que finalizou de primeira perto do travessão de Santos.

E aos 24 minutos, quem teve o gol anulado foi o Fluminense. João Pedro foi lançado em posição irregular e rolou para Caio Henrique, O lateral finalizou cruzado e Santos espalmou nos pés do atacante, que finalizou para as redes.

Mas após consulta ao árbitro de vídeo, Rodrigo D’alonso Ferreira invalidou a jogada pelo impedimento de João Pedro.

O Athletico Paranaense perdeu uma chance incrível aos 35 minutos. A defesa entregou a bola no pé de Léo Cittadini, que se atrapalhou e demorou para finalizar. O volante então tocou para Marcelo Cirino, que na batida de primeira, mandou a bola por cima do gol.

A resposta do Fluminense veio aos 42 minutos. Ganso roubou bola no meio de campo e tocou para Caio Henrique. O lateral tentou o passe na área, mas a bola voltou para a ele. No rebote, ele buscou o chute e a bola passou perto da trave esquerda.

Só que aos 47 minutos, o Athletico Paranaense foi buscar o empate. Wellington fez lindo lançamento do campo de defesa e encontrou Madson na área. O lateral carregou e bateu firme para vencer Muriel e balançar as redes.

O Fluminense perdeu boa chance no início do segundo tempo. Após cruzamento da direita, João Pedro ajeitou de cabeça para Ganso. Livre de marcação, o meia cabeceou fraco e Santos fez fácil defesa.

Mas aos 25 minutos quem balançou as redes foi o Athletico Paranaense. Rony cobrou escanteio da esquerda e Madson ganhou da marcação no primeiro poste para escorar para o gol.

Aos 30 minutos, nova chance do Fluminense. Gilberto cruzou da direita e Wellington Nem cabeceou perto do travessão.

A resposta do Athletico veio aos 34 minutos. Orinho saiu jogando errado e a bola ficou com Thonny Anderson. O atacante finalizou travado, mas a bola voltou para ele. Dessa vez, quem salvou foi Muriel que fez boa defesa no chão para evitar o gol.

Previous ArticleNext Article