Athletico vence o Grêmio, mantém 100% e assume a liderança do Brasileirão

Pedro Melo

Cartola FC: Dicas para bons e baratos na 9ª rodada do Brasileiro

O Athletico venceu o Grêmio por 1 a 0, na tarde deste domingo (13), em Porto Alegre, e assumiu a liderança provisória do Brasileirão. O gol da vitória rubro-negra foi marcado pelo atacante Matheus Babi, uma das surpresas na escalação do técnico António Oliveira.

Com nove pontos em três rodadas, o Athletico pula para a primeira posição e agora torce por um tropeço do Fortaleza para terminar o domingo no topo. O time cearense enfrenta o Sport, às 20h30, na Arena Castelão. Já o Grêmio, que tem um jogo a menos, sofre a segunda derrota e permanece sem pontuar.

A próxima partida do Rubro-Negro pelo Brasileirão será apenas no domingo (20), às 18h15, contra o Atlético-GO, na Arena da Baixada. O jogo com o Flamengo, que seria na quarta-feira (16), foi adiado para a disputa da Copa do Brasil. Com o espaço no calendário, o Furacão joga na quarta contra o Paraná Clube, às 15h20, pelas quartas de final do Paranaense.

MATHEUS BABI GARANTE A VITÓRIA, E ATHLETICO ASSUME A LIDERANÇA

O técnico António Oliveira escalou o Athletico com três zagueiros, além da presença de Matheus Babi e Marcinho entre os titulares. A formação surpreendeu a equipe gremista, e o Rubro-Negro precisou de apenas um minuto para levar perigo. Vitinho cruzou na pequena área, Nikão cabeceou de peixinho e Brenno salvou.

Após o susto inicial, o Grêmio entrou na partida após os 20 minutos, mas não conseguiu furar a defesa rubro-negra. As melhores chances foram em chutes de fora da área de Diego Souza, que Santos defendeu sem problema, e Ferreira, que mandou pela linha de fundo.

Na reta final, Marcinho colocou Matheus Babi na cara do gol e o atacante deu um toque na saída de Brenno para marcar o primeiro do Athletico. O assistente marcou impedimento, mas o VAR corrigiu e confirmou o gol do Furacão.

No segundo tempo, o Rubro-Negro mostrou a força defensiva, mas não abriu mão do sistema ofensivo. Aos 16 minutos, Matheus Babi aproveitou erro da defesa e ajeitou para Nikão, que mandou de voleio próximo da trave.

Do outro lado, o técnico Tiago Nunes tentou mudar o Grêmio de todas as maneiras, mas o sistema defensivo do Athletico não deu a chance do adversário levar perigo na meta defendida por Santos. O melhor momento foi aos 44 minutos, quando Ferreira arriscou de fora da área e mandou por cima.

FICHA TÉCNICA – GRÊMIO 0X1 ATHLETICO

3ª rodada da Série A do Brasileirão

Data, hora e local: domingo (13/06), às 16h, na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS).

Grêmio: Brenno; Rafinha (Vanderson), Geromel, Kannemann e Cortez; Thiago Santos (Ricardinho), Matheus Henrique (Jean Pyerre), Jhonata Robert (Léo Chu), Luiz Fernando (Maicon) e Ferreira; Diego Souza. Técnico: Tiago Nunes.

Athletico: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Zé Ivaldo; Marcinho (Khellven), Richard, Christian (Léo Cittadini) e Abner Vinícius; Nikão (David Terans), Matheus Babi (Renato Kayzer) e Vitinho (Carlos Eduardo). Técnico: António Oliveira.

Gol: Matheus Babi (CAP), aos 43′ do primeiro tempo.

Cartões amarelos: Christian, Matheus Babi, Richard, António Oliveira e Khellven (CAP); Matheus Henrique, Thiago Santos, Rafinha e Maicon (GRE).

Arbitragem: Ricardo Marques Ribeiro (MG), auxiliado por Celso Luiz da Silva (MG) e Leonardo Henrique Pereira (MG). O responsável pelo VAR é Emerson de Almeida Ferreira (MG).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="769866" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]