Athletico vence Metropolitanos e segue invicto na Sul-Americana

Jorge de Sousa

Athletico vence Metropolitanos e segue invicto na Sul-Americana

O Athletico venceu o Metropolitanos por 1 a 0 na noite desta quarta-feira (28) e chegou a segunda vitória em dois jogos na Copa Sul-Americana.

Renato Kayzer marcou o gol do duelo realizado na Arena da Baixada, em Curitiba, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Junto de Athletico e Metropolitanos no Grupo D da Copa Sul-Americana estão o Melgar e o Aucas. As equipes também jogam nesta quarta-feira, no Peru.

A terceira rodada da Copa Sul-Americana já será disputada na próxima semana, com o Athletico enfrentando o Melgar no Monumental de La UNSA, em Arequipa, no Peru, às 19h30, da terça-feira (4).

A Conmebol alterou o regulamento da Copa Sul-Americana para esta temporada, implantando uma fase de grupos na competição. Diferente da Copa Libertadores, apenas os líderes de cada chave irão avançar para as oitavas de final.

RENATO KAYZER FURA RETRANCA PARA DAR VITÓRIA AO ATHLETICO

O Athletico foi para cima do Metropolitanos desde o início da partida. Logo aos seis minutos, Vitinho tabelou com Abner Vinícius, mas foi travado na pequena área.

Renato Kayzer perdeu boa chance para abrir o placar aos 15 minutos. O centroavante pegou rebote na entrada da área, mas furou a finalização e a zaga fez o corte.

Vitinho teve nova chance aos 17 minutos. O atacante recebeu na área, limpou a marcação e buscou o chute cruzando, mandando a bola a direita da meta.

A resposta do Metropolitano chegou aos 21 minutos. Após cobrança de escanteio da esquerda, Thiago Heleno não conseguiu fazer o corte e Cova finalizou cruzado para Santos fazer uma bela defesa.

Nova chance do Athletico aos 26 minutos. Renato Kayzer foi lançado na área, mas na hora de fazer a finta, perdeu o controle da bola e foi desarmado.

Abner Vinícius apostou no chute de longa distância aos 37 minutos. O lateral avançou pela esquerda e arriscou da intermediária, com a bola passando acima da meta.

Giancarlo salvou o Metropolitanos aos 41 minutos. Nikão fez boa jogada pela direita e cruzou para Vitinho na área, com o atacante batendo firme para o goleiro espalmar.

Nikão ficou perto de abrir o placar aos 46 minutos. Em cobrança de falta da entrada da área, o meia bateu por fora da barreira e acertou a rede pelo lado de fora.

Giancarlo voltou a aparecer aos 48 minutos. Abner Vinícius tentou mais uma finalização de média distância, a bola resvalou na marcação e o goleiro foi ágil para se recuperar e fazer a defesa.

Cova perdeu chance incrível para abrir o placar aos seis minutos do segundo tempo. O atacante recebeu cruzamento na área e cara a cara com Santos isolou a finalização.

O Athletico conseguiu abrir o placar aos oito minutos. Thiago Heleno fez belo lançamento do campo de defesa para Khellven, que cruzou na medida para Renato Kayzer escorar para as redes.

A situação complicou ainda mais para o Metropolitanos aos 33 minutos. Antes de cobrança de escanteio, Bustillo acertou a mão no rosto de Renato Kayzer e recebeu cartão vermelho direto.

O Metropolitanos ficou perto de empatar o jogo 36 minutos. Mancín foi lançado na área, ganhou da marcação, mas bateu rente ao poste esquerdo.

Renato Kayzer teve a chance para ampliar o placar aos 40 minutos. Yago lançou o centroavante na área, que fintou Giancarlo, mas a bola escapou e Kayzer ficou sem ângulo para finalizar.

LEIA MAIS: City vira sobre PSG e fica a um passo de final inédita na Champions

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="760681" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]