Cirino marca no fim e Athletico vence o São Paulo no Morumbi

Vinicius Cordeiro

athletico são paulo cirino

O Athletico venceu o São Paulo por 1 a 0 e entrou no G6 do Campeonato Brasileiro. O gol que definiu o placar foi marcado pelo atacante Marcelo Cirino, aos 44 minutos da etapa final em uma falha do goleiro Tiago Volpi. O duelo deste domingo (10), válido pela 32ª rodada, foi realizado no Morumbi.

Com o resultado, o Furacão chega aos 50 pontos conquistados e aparece na sexta colocação.

Do outro lado, o São Paulo amarga a segunda derrota seguida dentro de casa. O time comandado por Fernando Diniz, em quinto lugar, segue com 53 pontos e vê a crise aumentar.

PRÓXIMOS JOGOS

Os times voltam a campo no próximo final de semana. O São Paulo tem pela frente o clássico contra o Santos. O jogo está marcado para o sábado (16), às 17h, na Vila Belmiro.

Já o Athletico vai receber o Botafogo na Arena da Baixada, em Curitiba. O confronto acontece no domingo (17), às 16h.

O JOGO

Daniel Alves voltou a ter uma atuação fraca. (Eduardo Carmim/Photo Premium/Folhapress)

O Sâo Paulo teve as melhores chances de marcar na primeira etapa. Aos seis minutos, Reinaldo chutou forte e Santos fez ótima defesa.

Aos 21, o goleiro rubro-negro vacilou na saída de bola e proporcionou a chance mais perigosa. Tchê Tchê recuperou no ataque e tocou para Vitor Bueno, que acionou Pablo dentro da área. O camisa 9 girou e soltou uma pancada, mas viu Santos se recuperar.

Depois, aos 34, foi Antony que parou no arqueiro. Por fim, o Athletico teve sua melhor chance aos 42. Marcelo Cirino desceu em velocidade pela direita e cruzou, mas Tiago Volpi se esticou para afastar o perigo.

Na etapa final, os dois times diminuíram o ritmo. O Athletico teve uma boa chance com Lucho González, mas o argentino chutou pela linha de fundo.

Já o São Paulo começou a jogar a bola na área, mas sem sucesso.

No final das contas, quando tudo parecia encaminhado para o empate, o Furacão marcou. Santos isolou a bola e Vitinho ganhou da marcação. O jovem atacante acionou Marcelo Cirino, que soltou uma bomba e contou com a ajuda de Volpi para anotar o único gol do jogo.

Previous ArticleNext Article