Atlético-MG vence Bahia e conquista o Campeonato Brasileiro após 50 anos

O Atlético-MG venceu de virada o Bahia por 3 a 2 na noite desta quinta-feira (2) e conquistou o título do Campeonato Bra..

Jorge de Sousa - 02 de dezembro de 2021, 19:54

O Atlético-MG venceu de virada o Bahia por 3 a 2 na noite desta quinta-feira (2) e conquistou o título do Campeonato Brasileiro após 50 anos.

Luiz Otávio e Gilberto abriram o placar para o Bahia, mas Hulk (em cobrança de pênalti) e Keno (duas vezes) viraram o placar para o Atlético-MG, na Arena Itaipava Fonte Nova, em Salvador.

A vitória deixou o Atlético-MG com 81 pontos, 11 acima do vice-líder Flamengo. Com apenas três jogos restantes a equipe carioca, o Galo não pode ser mais alcançado.

Já o Bahia segue em situação delicada na luta contra o rebaixamento. A equipe ficou estacionada com 40 pontos e na 17ª colocação, dois abaixo do 16º colocado Athletico.

As duas equipes voltam a campo neste domingo (5), às 16h. O Atlético-MG vai comemorar o título com a torcida no Mineirão, contra o Red Bull Bragantino, enquanto o Bahia recebe o Fluminense, na Arena Itaipava Fonte Nova.

ATLÉTICO-MG FAZ SETE MINUTOS 'PERFEITOS' PELO TÍTULO BRASILEIRO

A primeira finalização do Atlético-MG saiu aos quatro minutos. Keno tabelou com Hulk e finalizou no canto direito para Danilo Fernandes espalmar.

Keno voltou a testar Danilo Fernandes aos 17 minutos. O atacante finalizou da entrada da área - novamente no canto direito, e o goleiro foi buscar o chute.

Nova chance do Atlético-MG aos 39 minutos. Nacho Fernández foi lançado na área e tentou o chute colocado, mas parou em boa defesa de Danilo Fernandes.

A primeira chance de perigo criada pelo Bahia saiu aos 43 minutos. Matheus Bahia cruzou da esquerda e Rodriguinho testou firme, mas por cima da meta de Everson.

O Bahia criou boa chance aos dez minutos. Gilberto foi lançado na esquerda e cruzou rasteiro para Raí Nascimento finalizar cruzado, parando em defesa de Everson.

Luiz Otávio abriu o placar para o Bahia aos 16 minutos. Rodriguinho cobrou escanteio da esquerda e o zagueiro testou firme no canto direito de Everson.

O Bahia ampliou o marcador aos 20 minutos. Matheus Bahia cruzou rasteiro da esquerda e Gilberto completou na pequena área para as redes.

Só que aos 25 minutos, Eduardo Sasha foi lançado na área e foi derrubado por Luiz Otávio. Pênalti para o Atlético-MG, cobrado com categoria por Hulk no canto direito.

O Atlético-MG empatou o duelo aos 28 minutos. Keno foi acionado na entrada da área e bateu com efeito no ângulo direito de Danilo Fernandes.

A pressão do Atlético-MG resultou na virada aos 32 minutos. Novamente Keno recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro no canto esquerdo.

LEIA MAIS: Athletico tem volta de Terans para ‘decisão’ contra o Cuiabá; veja o provável time