Ayrton Senna terá primeiro título mundial na Fórmula 1 reprisado neste domingo

Jorge de Sousa

Ayrton Senna terá primeiro título mundial na Fórmula 1 reprisado neste domingo

O Grande Prêmio do Japão de 1988 marcou o primeiro título mundial de Ayrton Senna na Fórmula 1 e será reprisado neste domingo (3) pela Rede Globo, às 9h45.

A reprise é realizada na mesma semana em que se completa 26 anos da morte de Ayrton Senna, que faleceu em um acidente durante o Grande Prêmio de San Marino em 1° de maio de 1994.

Em 1988, Ayrton Senna já contava com uma grande torcida no Brasil, tendo inclusive mais torcedores que o primeiro tricampeão mundial brasileiro, Nelson Piquet.

Com estilo arrojado de pilotagem dentro das pistas e carisma nas entrevistas, Senna auxiliou a popularizar a Fórmula 1 no Brasil.

Por isso, a temporada de 1988 teve muito impacto no automobilismo nacional, tendo dois pilotos uma disputa volta a volta pelo título daquele ano.

AYRTON SENNA X ALAIN PROST

Ayrton Senna terá primeiro título mundial reprisado neste domingo
Senna, Piquet e Prost na primeira vitória de Ayrton na temporada no Grande Prêmio de San Marino. (Reprodução/Fórmula 1)

Pela primeira vez na Fórmula 1 uma equipe conseguiu vencer 15 das 16 corridas de uma temporada. A McLaren com motores Honda se tornou um dos carros mais dominantes de toda a história da categoria.

Com isso, Ayrton Senna e o francês Alain Prost eram os favoritos para a conquista do título naquela temporada e protagonizaram uma das maiores rivalidades já vistas na Fórmula 1.

Ambos os pilotos tinham estilos diferentes de pilotagem. Senna usava o arrojo e arriscava ultrapassagens em pontos difíceis, enquanto Prost trabalhava melhor no controle do carro, manutenção dos pneus e maior estratégia durante a corrida.

Fora das pistas os pilotos também apresentavam a rivalidade, com acusações de espionagem, sabotagem e ofensas pela imprensa.

Só que Prost já tinha em seu currículo dois títulos mundiais e Senna ainda buscava seu primeiro troféu. O chefe de equipe da McLaren, Ron Dennis, resolveu não privilegiar nenhum dos pilotos e manteve a briga na pista durante toda a temporada.

DECISÃO DO TÍTULO MUNDIAL NA PENÚLTIMA PROVA

Ayrton Senna terá primeiro título mundial reprisado neste domingo
Ayrton Senna saiu do 16° lugar para a liderança da prova e seu primeiro título mundial em Suzuka. (Reprodução/Fórmula 1)

Prost começou melhor a temporada com vitória no Grande Prêmio do Brasil e um triunfo doloroso contra Senna no Grande Prêmio de Mônaco. Isso porque o brasileiro liderava com sobras a corrida em Monte Carlo, mas bateu sozinho com apenas duas voltas restantes.

Só que Senna cresceu na temporada e aproveitou que o regulamento à época privilegiava as vitórias em detrimento ao equilíbrio durante o ano. Isso porque os cinco piores resultados eram descartados ao final da última corrida, deixando o título a ser decidido em quem conquistasse mais provas.

Mesmo tendo mais abandonos do que Prost durante a temporada, Senna chegou ao Grande Prêmio de Portugal em Estoril com sete vitórias contra cinco do rival de equipe. Mas o francês engatou sua segunda vitória seguida e levou a decisão para o Japão.

O Grande Prêmio do Japão em Suzuka é até hoje apontado como um dos melhores da história da Fórmula 1. Logo na largada Senna teve problemas com o motor e caiu para a 16ª posição, enquanto Prost assumiu a liderança.

Senna então precisava ganhar 15 posição para ser o campeão e conseguiu escalar o grid até o terceiro lugar, quando começou a chover no circuito de Suzuka.

Com melhor desempenho em pistas molhadas, Senna passou o italiano Ivan Capelli e Prost e abriu boa vantagem na liderança. Nem o aumento da chuva fez com que o brasileiro perdesse a corrida e comemorasse o primeiro de seus três títulos mundiais.

A temporada de 1988 ainda teria sua última prova no Grande Prêmio da Austrália, que mesmo com vitória de Prost não mudou o destino do campeonato.

Previous ArticleNext Article