Barrichello é pole em Londrina

Helena Kenski


Apesar dos 45 anos de idade e do calor de 31 graus na ensolarada Londrina, Rubens Barrichello mostra que quer mais um título da Stock Car. O piloto teve desempenho discreto nos treinos livres, mas cravou o melhor tempo no classificatório disputado no início da tarde deste sábado no norte paranaense.

Foi a segunda pole position de Rubens Barrichello na temporada. A primeira foi na etapa de Curitiba, durante a segunda etapa do ano. “O carro está muito bom. A equipe sabe que estou sempre na batalha e adoro esse momento. Eu gostava muito na Fórmula 1 quando a classificação era disputada em uma só volta, era um formato que eu gostava bastante”, lembra, referindo-se à temporada de 2003, quando conquistou duas poles (Grã-Bretanha e Japão) pela Ferrari.

“Quando entro ali entre os seis, significa que o carro está bom, e a volta foi muito legal”, afirma. Sobre a expectativa de repetição do calor que tem feito nos últimos dias em Londrina, Barrichello diz estar preparado. “O velhinho aqui está bem. Vamos curtir este momento e lutar pela vitória amanhã”, conclui.

No primeiro grupo do Q1, Daniel Serra foi o mais rápido com 1min10s550, que se manteve no final da primeira parte. Passaram ao Q2 Serra, Marcos Gomes, Felipe Fraga, Lucas di Grassi, Antonio Pizzonia – o mais rápido do segundo grupo -, Max Wilson, Rubens Barrichello, Vitor Genz, Thiago Camilo, Rafael Suzuki, Átila Abreu, Julio Campos, Ricardo Zonta, Ricardo Maurício e Cacá Bueno.

O Q2 fechou com Marcos Gomes na ponta com 1min10s499, seguido de Rubens Barrichello, Daniel Serra, Max Wilson, Julio Campos e Felipe Fraga. Da sétima à décima posições já definidas ficaram Lucas di Grassi, Ricardo Maurício, Cacá Bueno e Átila Abreu. A sessão ainda teve uma rodada de Vitor Genz em sua tentativa de volta rápida e também uma batida de Rafael Suzuki. Ambos terminaram em 13º e 14º.

No Q3 Felipe Fraga foi o primeiro a ir para a pista, mas marcou apenas 1min11s032 na sua volta rápida. Julio Campos, segundo a ir à pista, cometeu um erro e também não melhorou: 1min11s063. Em seguida foi a vez de Max Wilson, que assumiu temporariamente a ponta ao ser o primeiro do Q3 a baixar de 1min11s e registrar 1min10s675 para depois ficar com o segundo lugar no grid.

O quarto a entrar na pista foi o líder do campeonato, Daniel Serra. O piloto não correspondeu e fez só 1min11s580, o sexto. Na vez de Rubens Barrichello, o campeão de 2014 garantiu-se na pole com 1min10s662, já que Marcos Gomes, o último a tentar seu tempo, fez apenas a terceira marca com 1min10s831.

As duas provas da Stock Car, da quarta etapa da temporada 2018, acontecem às 14h e às 15h05 (horário de Brasília).

Previous ArticleNext Article