Meia do Azuriz quer decidir os jogos do mata-mata da Série D em casa

Equipe de Pato Branco venceu o Marcílio Dias fora de casa e está na próxima fase da Série D do Brasileirão com duas rodadas de antecedência

Redação - 06 de julho de 2022, 14:14

(Mauricio Moreira/Azuriz)
(Mauricio Moreira/Azuriz)

O Azuriz é atualmente um dos clubes sensação do futebol brasileiro. Fundado em 2018 como clube-empresa, o azulão do Paraná vai escalando degraus a níveis regional e nacional em um projeto que alia alto investimento na formação de atletas e contratações de jovens jogadores. No segundo grupo, o meio campista Berguinho é um dos exemplos. Aos 25 anos, foi contratado no início deste ano junto ao Ferroviário, com vínculo de 18 meses.

"Estava em casa quando recebi a ligação de um dos sócios do Azuriz. Perguntei sobre o projeto e não pensei duas vezes em aceitar. A estrutura que o clube nos disponibiliza é de alto nível. É um clube que merece chegar em lugares mais altos e estamos buscando isso", conta o jogador.

O meia iniciou o ano como titular e uma das referências técnicas da equipe. Com a camisa 10 às costas, marcou o gol da classificação para a terceira fase da Copa do Brasil, contra o Mirassol. Após a eliminação nos pênaltis para o Bahia, em maio, o foco do clube se tornou a Série D, que dá acesso à Série C aos quatro semifinalistas.

Na competição, o Azuriz chegou a atingir oito jogos de invencibilidade e sempre esteve entre a liderança e as primeiras colocações do grupo 8. Mesmo participando de todas as partidas em que esteve disponível, no último mês o meia passou a entrar no decorrer das partidas. Após o período, Berguinho voltou a começar entre os titulares no último domingo e foi determinante para a vitória. No início do segundo tempo, deu assistência de calcanhar para o gol de Edson Carioca, aproveitando a confiança recebida da comissão técnica:

"Temos um grupo muito forte e de bons jogadores. O professor (Fabiano Daitx) joga de acordo com o que o jogo pede e eu apenas continuei trabalhando, para quando chegasse a oportunidade estar bem e ajudar a equipe de alguma forma", diz.

Mesmo com a classificação garantida, as duas rodadas restantes da primeira fase têm grande importância. Contra o São Luiz, em Pato Branco, e contra o Caxias, na serra gaúcha, o objetivo está na manutenção da liderança do grupo, segundo palavras do jogador:

"Mata-mata é sempre complicado, não podem haver erros nos jogos. Conseguimos a classificação, porém vamos em busca do primeiro lugar para conseguirmos o segundo jogo em casa com o apoio da nossa torcida. Temos dois jogos ainda e vamos lutar para isso", completa Berguinho.