Bottas e Russell colidem e provocam paralisação do GP da Emilia Romagna

Folhapress


Um acidente entre Valtteri Bottas, da Mercedes, e George Russell, da Williams, paralisou o GP da Emilia Romagna, neste domingo (18), no circuito de Ímola. A corrida foi suspensa na 33ª volta, quando o finlandês e o britânico se tocaram e pararam no muro. Como a pista ficou suja com os destroços dos carros, a direção optou por lançar a bandeira vermelha.

Na disputa por posições em uma reta, Bottas estava à frente. Russell tentou a ultrapassagem pela direita, mas seu carro tocou na zebra e perdeu o controle. Ele bateu na lateral direita da Mercedes, e ambos os pilotos saíram da pista em alta velocidade, despedindo-se da corrida.

Após o acidente, Russell deixou seu carro com semblante de indignação e se dirigiu a Bottas para reclamar. Em entrevista à TV Bandeirantes, o finlandês afirmou que não conseguiu escutar o que Russell lhe disse.

Pouco antes da paralisação por causa do acidente, Lewis Hamilton, que estava em segundo lugar, perdeu o controle de sua Mercedes e deixou a pista. A prova ficou suspensa por dez minutos e foi retomada com o inglês na oitava colocação. A liderança pertencia ao holandes Max Verstappen, da Red Bull.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="758412" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]