Brasil empata com o Uruguai e se complica no Pré-Olímpico

Jorge de Sousa

Brasil - Uruguai - Pré-Olímpico

Em jogo marcador por falhas dos dois goleiros, Brasil e Uruguai empataram em 1 a 1 na noite desta quinta-feira (6), complicando a situação dos brasileiros dentro do Torneio Pré-Olímpico de Futebol Masculino.

Ugarte abriu o placar para o Uruguai, enquanto Pedrinho empatou para o Brasil.

O duelo desta quinta-feira (6) foi realizado no estádio Alfonso López, na Colômbia.

Assim como no primeiro jogo da fase final do Pré-Olímpico, o Brasil saiu atrás do placar em uma falha da defesa, conseguiu o empate, mas não teve forças para virar a partida.

SÓ VITÓRIA GARANTE VAGA AO BRASIL

Com o resultado, a seleção brasileira pré-olímpica acumula dois pontos ganhos e aguarda o resultado entre Argentina e Colômbia para saber sua situação na última rodada.

Com o Uruguai tendo apenas um ponto ganho, a Argentina pode chegar aos seis pontos, enquanto a Colômbia pode avançar para quatro pontos.

Brasil e Argentina se enfrentam pela última rodada do Pré-Olímpico, neste domingo (9), às 22h30. Uma vitória garante a seleção brasileira independente de qualquer outro resultado da competição.

Vale lembrar que os dois primeiros colocados de cada grupo se classificam à fase final, que será um quadrangular. No fim, as duas melhores seleções vão aos Jogos Olímpicos de Tóquio.

IVAN E ARRUABARRENA EM NOITE INFELIZ

O Uruguai quase abriu o placar aos dois minutos. Rossi cobrou falta da entrada da área, a bola desviou na barreira e quase enganou Ivan.

Aos seis minutos, Viñas quase abriu o placar. O meia arriscou da intermediária e a bola passou perto do poste esquerdo.

Arruabarrena salvou o Uruguai aos nove minutos. Matheus Henrique recebeu na entrada da área e finalizou firme para o goleiro espalmar.

Já aos 13 minutos quem salvou foi Ivan. Piquerez recuperou bola no campo de ataque e cruzou rasteiro para Viñas. Mas antes o meia receber o passe, o goleiro saiu do gol e segurou a bola.

O Brasil respondeu aos 28 minutos. Paulinho recebeu na entrada da área bateu cruzado e acertou a rede pelo lado de fora.

Matheus Cunha também ficou perto de abrir o placar aos 30 minutos. Antony cruzou da direita, a zaga não conseguiu o corte e Matheus Cunha se antecipou a Arruabarrena, mas errou o toque e mandou a bola para fora.

Mas aos 34 minutos, Ugarte conseguiu abriu o placar. O volante arriscou da intermediária, a bola desviou em Bruno Fuchs e foi na direção de Ivan, que tentou encaixar a bola, mas tomou um “frango”.

A resposta do Brasil também veio em um “frango”. Pedrinho recebeu cruzamento na área e cabeceou firme, mas no meio do gol. Arruabarrena tentou a defesa em dois tempos, mas acabou empurrando a bola para dentro do gol, de forma bisonha.

O Uruguai quase fez seu segundo gol aos 45 minutos. Rossi cobrou escanteio da direita e Viñas tentou a finalização no meio da área e a bola passou perto do poste direito.

A primeira chance do segundo tempo foi do Uruguai. Piquerez cobrou falta da entrada da área e acertou o poste direito.

O Brasil respondeu aos 11 minutos. Paulinho foi para a linha de fundo e cruzou rasteiro, mas a bola passou por Matheus Cunha e Bruno Guimarães antes de sair pela linha de fundo.

Arruabarrena salvou o Uruguai aos 30 minutos. Antony cruzou na medida para Matheus Cunha escorar para o chão e o goleiro espalmar.

Já nos acréscimos, o Uruguai teve mais uma chance. Arezo foi lançado na área, mas finalizou em cima de Ivan, só que o rebote bateu em Nino e quase foi para o gol. O goleiro se recuperou e tirou a bola em cima da linha.

Previous ArticleNext Article