Brasil empata com o Equador e perde 100% na Copa América

Pedro Melo

Brasil Equador seleção brasileira Copa América resultado

O Brasil apenas empatou com o Equador em 1 a 1, na noite deste domingo (27), e perdeu os 100% de aproveitamento na Copa América. Apesar do tropeço, a seleção brasileira avançou em primeiro lugar do Grupo B para as quartas de final.

A seleção terminou a fase de grupos com 10 pontos, campanha de três vitórias – Venezuela, Peru e Equador – e um empate, e a melhor campanha entre as cinco seleções da chave. Já o Equador, que ainda não ganhou, se classificou em quarto lugar, com apenas três pontos.

Nas quartas de final, a seleção brasileira aguarda pelo quarto colocado do Grupo A – Uruguai ou Chile. Já os equatorianos esperam pelo líder da mesma chave – neste momento é a Argentina, mas pode ser o Paraguai.

BRASIL SAI NA FRENTE, MAS LEVA O EMPATE DO EQUADOR E TROPEÇA PELA PRIMEIRA VEZ NA COPA AMÉRICA

Classificado na primeira colocação, o técnico Tite mudou quase todo o time em relação à última partida contra a Colômbia e apenas o zagueiro Marquinhos permaneceu entre os titulares. Até o atacante Neymar foi preservado e ficou no banco de reservas.

Mesmo com o time alternativo, o Brasil dominou a primeira etapa, mas encontrou dificuldades para levar perigo ao gol adversário. Por isso, o gol brasileiro saiu em lance de bola parada. Aos 37, Everton Cebolinha cobrou falta na área, Éder Militão subiu mais que a defesa e mandou de cabeça para o fundo das redes.

No segundo tempo, a seleção brasileira caiu de rendimento e ainda viu o Equador crescer na partida. O bom momento equatoriano foi recompensado com o gol de empate aos nove minutos. Após cobrança de escanteio, a defesa do Brasil não afastou. A bola ficou na área, Valencia ajeitou de cabeça, e Mena, nas costas de Danilo, chutou com força, sem chance para Alisson.

FICHA TÉCNICA – BRASIL 1X1 EQUADOR

Copa América – quinta rodada da fase de grupos

Data, horário e local do jogo: domingo (27), às 18h (horário de Brasília), no estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO).

Brasil: Alisson; Emerson, Éder Militão, Marquinhos e Renan Lodi (Danilo); Fabinho, Douglas Luiz (Casemiro) e Lucas Paquetá (Everton Ribeiro); Everton (Richarlison), Gabigol e Roberto Firmino (Vinícius Júnior). Técnico: Tite.

Equador: Galíndez; Ângelo Preciado, Arboleda, Hincapié e Palacios (Plata); Caicedo (Mena), Mendéz, Franco e Estupiñán; Valencia (Campana) e Ayrton Preciado (Pineida). Técnico: Gustavo Alfraro.

Gols: Éder Militão (BRA), aos 37′ do primeiro tempo, e Mena (EQU), aos 9′ do segundo tempo.

Cartão amarelo: Estupiñán (EQU).

Arbitragem: Roberto Tobar (CHI), auxiliado por Christian Schiemann (CHI) e Claudio Rios (CHI). O responsável pelo VAR é Julio Bascuñan (CHI).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="772376" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]