Brasil perde para França na prorrogação e está eliminada da Copa do Mundo Feminina

Vinicius Cordeiro

Brasil x França

A seleção feminina do Brasil foi eliminada da Copa do Mundo Feminina pela França neste domingo (23). Depois do empate por 1 a 1 no tempo normal, com gols de Gauvin e Thaisa, as francesas conquistaram o triunfo na prorrogação. Henry deu a classificação para as anfitriãs no primeiro minuto do segundo tempo da prorrogação.

23.965 acompanharam o duelo em Le Havre.

Apesar da Marta ter se tornado a maior artilheira de todas as Copas do Mundo, o Brasil segue sem conquistar um título mundial.

A melhor campanha da seleção brasileira feminina de futebol segue sendo o segundo lugar na Copa do Mundo de 2007.

Até agora, o Brasil soma dois títulos em Pan-Americanos e sete da Copa América. Além disso, a seleção canarinha também tem duas medalhas em Olimpíadas – 2004, em Atenas, e 2008, em Pequim.

PRÓXIMO JOGO

Agora, a França espera a vencedora de Espanha e Estados Unidos. O duelo acontece nesta segunda-feira (24), às 13h. O jogo das quartas está marcado para o próximo sábado (29), às 10h.

TEMPO NORMAL

A França abriu o placar aos 22 minutos do primeiro tempo, mas o VAR anulou o gol. Diani cruzou da direita e Bárbara saiu espalmando. A bola bateu no ombro de Gauvin e entrou na meta brasileira antes das atletas se chocarem. Depois do árbitro de vídeo ser acionado, a juíza Marie-Soleil Beaudoin assinalou falta na goleira.

Os dois gols saíram no segundo tempo. Aos seis minutos, a França fez um lance similar ao gol anulado. Diani cruzou e Gauvin aproveitou o vacilo de Mônica para balançar as redes.

Por outro lado, o empate brasileiro veio aos 18. Debinha cruzou da esquerda e a bola acabou sobrando para Thaisa bater firme e igualar.

Nos acréscimos, Debinha acionou Bia Zaneratto, mas a atacante acabou batendo por cima.

PRORROGAÇÃO

A seleção brasileira foi melhor no primeiro tempo da prorrogação. Na melhor chance, aos 14 minutos, Debinha arrancou pela esquerda e chutou cara a cara com a goleira Bouhaddi. A bola passou pela arqueira, mas Bathy salvou antes da bola entrar.

Porém, na etapa final da prorrogação, a defesa brasileira vacilou na bola parada. Majri cobrou falta e Henry apareceu para garantir o triunfo francês.

Previous ArticleNext Article