Brasil vence a Bolívia e avança para fase final do Torneio Pré-Olímpico

Jorge de Sousa

Brasil - Bolívia - Matheus Cunha - Torneio Pré-Olímpico

O Brasil venceu a Bolívia por 5 a 3 e está classificado para o quadrangular final do Torneio Pré-Olímpico. A seleção brasileira abriu vantagem no primeiro tempo com gols de AntonyMatheus Cunha e Guga, enquanto Ábrego descontou para os bolivianos. Na etapa final, ReinierPepê pelos brasileiros e Ábrego e Reyes para os bolivianos fecharam o placar.

O duelo desta terça-feira (28) foi realizado no estádio Centenário Armenia, na Colômbia.

Novamente o Brasil teve uma atuação contrastante. Enquanto o ataque dominou o adversário, perdendo a oportunidade de anotar mais gols, a defesa ficou exposta em diversos momentos e no final do jogo, o técnico André Jardine colocou o zagueiro Bruno Fuchs para manter o resultado.

TABELA DO PRÉ-OLÍMPICO

Com o resultado, a seleção brasileira pré-olímpica chega aos nove pontos e fica a um empate de garantir a liderança do Grupo B. O Uruguai tem seis pontos, mas já disputou todos os seus jogos na primeira fase e precisa torcer para que o Paraguai, o Peru e a Bolívia -todos com com três pontos ganhos, não vençam na última rodada para se classificar.

O Brasil retorna a campo nesta sexta-feira (31), às 22h30 (horário de Brasília), no estádio Centenário Armenia, contra o Paraguai. O duelo será o último da seleção brasileira na primeira fase do torneio.

Vale lembrar que os dois primeiros colocados de cada grupo se classificam à fase final, que será um quadrangular. No fim, as duas melhores seleções vão aos Jogos Olímpicos de Tóquio.

ATAQUE CONTRA DEFESA

Brasil - Bolívia - Anthony - Torneio Pré-Olímpico
Antony comemora o primeiro gol do Brasil na partida. (Foto: Lucas Figueiredo/CBF)

O Brasil abriu o placar logo aos dois minutos, quando Paulinho fez boa jogada pela esquerda, limpou a marcação e cruzou rasteiro para Antony finalizar para o gol.

Aos 15 minutos, Reinier serviu Matheus Cunha com passe de calcanhar e o atacante -em posição de impedimento, tocou na saída de Cordano para ampliar o marcador.

A Bolívia diminuiu aos 19 minutos. Vaca encontrou Ábrego na área e o atacante tocou na saída de Ivan para balançar as redes.

Mas ainda no primeiro tempo o Brasil voltou a colocar vantagem no placar. Matheus Henrique passou rasteiro para Guga, que finalizou firme no alto do gol para tirar de Cordano.

Na volta do intervalo, o Brasil marcou o seu quarto gol. Paulinho tabelou com Antony e rolou para Reinier finalizar cruzado e Cordano aceitar,

Só que a Bolívia não desistiu do jogo e encostou no placar. Primeiro aos 25 minutos, John García encontrou Ábrego sozinho na área, com o atacante tendo calma para dominar e tirar de Ivan.

Depois aos 33 minutos, Saldías cruzou no segundo poste e Reyes se antecipou a Guga para cabecear firme para o fundo das redes.

Mas a Bolívia ficou com dez em campo, após Vaca acertar um pisão em Antony e receber o segundo cartão amarelo.

Com superioridade numérica, o Brasil ainda conseguiu ampliar o marcador nos acréscimos. Caio Henrique deu bom passe para Pepê na área, que dominou e finalizou firme para fechar o placar.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="681120" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]