Campeão, Manchester City perde de virada para o Brighton na Premier League

Pedro Melo

Brighton x Manchester City - Premier League

Com o título já garantido, o Manchester City perdeu de virada o Brighton por 3 a 2, na tarde desta terça-feira (18), pela penúltima rodada da Premier League. Com um a menos desde o primeiro tempo, os Citizens abriram dois gols de vantagem, mas levaram a virada

Foi apenas a sexta derrota do Manchester City no Campeonato Inglês. Porém, o revés não muda a situação do time na tabela de classificação. A vantagem para o rival Manchester United caiu 12 pontos, mas o título já estava garantido. Do outro lado, o Brighton subiu para o 15º colocado, com 41 pontos.

Na despedida da Premier League e no último jogo antes da final da Champions League, o Manchester City joga contra o Everton, no Etihad Stadium. Já o Brighton faz a última partida da temporada diante do Arsenal, no Emirates Stadium. Toda a rodada final acontece no domingo (23), às 12h (horário de Brasília).

MANCHESTER CITY ABRE DOIS GOLS, MAS LEVA A VIRADA DO BRIGHTON

Em ritmo acelerado, o City precisou de apenas um minuto para sair na frente. Mahrez fez boa jogada pela ponta direita e cruzou para a área. Gündogan apareceu entre os zagueiros e completou para o fundo das redes.

Parecia mais um jogo tranquilo para o campeão, mas a partida ficou complicada com a expulsão de João Cancelo. O lateral-direito perdeu a bola para Welbeck e derrubou o atacante na entrada da área. O árbitro considerou chance clara de gol e deu o cartão vermelho direto.

Com um a menos, o técnico Pep Guardiola recompôs o sistema defensivo com a entrada de Eric García na vaga de Ferrán Torres. O Brighton passou a ter mais posse de bola, mas praticamente não deu trabalho para o goleiro brasileiro Ederson.

O início do segundo tempo do City foi da mesma forma que o primeiro. Logo aos dois minutos, Phil Foden roubou a bola no meio de campo, passou por Wright e, de bico, chutou no canto do gol defendido por Sánchez.

A reação do Brighton começou aos quatro minutos. Trossard recebeu na intermediária, deixou Stones no chão, passou também por Rodri e acertou um belo chute para descontar. Já aos 27, Gross levantou a bola na área, Webster subiu mais que toda a zaga e cabeceou para deixar tudo igual.

Empurrado pela torcida, o Brighton manteve o bom momento na partida e virou a partida aos 30 minutos. Após erro do goleiro Ederson, Burn recebeu dentro da área e foi travado na hora do primeiro chute. Na sobra, o próprio Burn mandou a bola para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
BRIGHTON 3X2 MANCHESTER CITY

Data e horário: terça-feira (18), às 15h
Local: Stamford Bridge, em Londres (ING)
Árbitro: Stuart Attwell (ING)
Assistentes: Constantine Hatzidakis (ING) e Nick Hopton (ING)

Brighton: Sánchez; White, Webster e Burn; Jahanbakhsh (Lallana), Gross, Bissouma, Alzate (Zequiri) e Moder; Mac Allister e Welbeck (Trossard).
Técnico: Graham Potter.

Manchester City: Ederson; João Cancelo, Rúben Dias, Stones e Zinchenko; Rodri, Gundogan (Fernandinho) e Bernardo Silva (Gabriel Jesus); Mahrez, Ferrán Torres (Eric García) e Phil Foden.
Técnico: Pep Guardiola.

Gols: Gundogan (MCI), à 1′ do primeiro tempo, Phil Foden (MCI), aos 2′ do segundo tempo, Trossard (BRI), aos 4′ do segundo tempo, Webster (BRI), aos 27′ do segundo tempo, e Burn (BRI), aos 30′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Jahanbakhsh e Webster (BRI); Rodri, Fernandinho e Bernardo Silva (MCI).
Cartão vermelho: João Cancelo (MCI).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="764872" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]