Bruno Guimarães deve ser vendido ao Atlético de Madrid

Vinicius Cordeiro

bruno guimarães athletico flamengo atlético de madrid

O meio campista Bruno Guimarães, do Athletico, deve ser vendido ao Atlético de Madrid. Segundo o site Goal.com, o clube espanhol acertou uma prioridade na compra do jogador por 30 milhões de euros, o que daria cerca de R$ 127 milhões.

O acordo teria sido selado durante a transferência o lateral Renan Lodi, maior venda da história do Rubro-Negro.

Vale lembrar que o jogador de 21 anos vinha sendo monitorado por outros grandes clubes europeus. O Chelsea teria feito uma sondagem forte, mas teria a concorrência. Inter de Milão, Milan e Napoli, da Itália, o Lille, da França, e o Shakhtar Donetski, da Ucrânia, seriam outros times interessados.

Vale lembrar que Bruno tem multa rescisória de 40 milhões de euros (R$ 168 milhões) com o Furacão. Além disso, o jogador recusou uma oferta do Shanghai Shenhua, da China, no mês passado. Apesar dos altos valores, o meia quer atuar no futebol europeu.

COMO FUNCIONA

Com essa prioridade, o Atlético de Madrid pode avisar o Athletico se irá comprar Bruno Guimarães, ou não, caso o atleta receba qualquer oferta de outro clube. Por exemplo: se o Chelsea oferecer 35 milhões de euros pelo atleta, o Furacão deve comunicar os colchoneros. Assim, os espanhóis podem definir se querem acionar a preferência da compra.

Para completar, caso a transferência para o Atleti se concretize, Bruno voltará a dividir vestiário com Renan Lodi. Os dois se tornaram amigos próximos no Furacão e publicaram despedidas nas redes sociais quando o lateral deixou o Brasil.

 

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="648190" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]