Cartola FC: Dicas para bons e baratos na 2ª rodada do Brasileiro

Após uma primeira rodada com média alta de pontuação, a rodada do fim de semana do Campeonato Brasileiro também dá boas oportunidades no Cartola FC.

Jorge de Sousa - 12 de abril de 2022, 20:50

Cesar Greco
Cesar Greco

Após uma primeira rodada com média alta de pontuação para os cartoleiros, a rodada do fim de semana do Campeonato Brasileiro também dá boas oportunidades no Cartola FC.

O mercado do Cartola FC vai fecha meia hora antes do primeiro jogo da rodada, sendo possível realizar alterações nos times até às 16h deste sábado (16).

Vale lembrar que todos os times começam com C$ 100. Mas para armar um time competitivo durante a temporada é necessário pelo menos C$ 170.

Mas uma novidade para essa edição é que os cartoleiros que eventualmente percam cartoletas durante a competição poderão em uma oportunidade retornar seu saldo para C$ 100 cartoletas.

E vale lembrar que não há oportunidade melhor de ganhar cartoletas do que nas duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro, quando o sistema de valorização dos atletas ainda busca equilíbrio.

Por isso, vamos dar dicas econômicas de jogadores bons e baratos, ou seja, aqueles que têm boas chances de render importantes cartoletas nesse início de Cartola FC.

COMO GANHAR CARTOLETAS NA 2ª RODADA DO CARTOLA FC?

Assim como na primeira rodada, a segunda rodada do Cartola FC, os cartoleiros precisam do auxílio de uma equação para saber quais jogadores têm maior potencial de valorizarem ou não.

A conta é simples: 70% * (Valor do atleta - pontuação na primeira rodada).

Por isso, aposte em atletas que tiveram bom desempenho na primeira rodada, porque eles precisam de menos esforço para valorizarem neste fim de semana.

Vamos a alguns exemplos:

Gabriel e Dudu foram dois jogadores que não tiveram grande pontuação na primeira rodada.

Com base na equação, Gabriel precisa de exatos 9 pontos (12,97 * 0,45 = 9) e Dudu de 8,1 pontos (11,65 * 0,45 = 9) para valorizarem. Ambas, pontuações altas.

Agora do outro lado da moeda. Igor Paixão e Wellington Rato apresentaram desempenho acima da média na rodada inicial.

Utilizando a equação novamente, Igor Paixão precisa de - 0,3 (- 0,43 * 0,7 = -0,3), enquanto Wellington Rato precisa de - 0,2 (- 0,33 * 0,7 = 0,2).

A única exceção para essa regra é válida para atletas que não atuaram na primeira rodada. Nesse caso, vale a regra de valor do jogador * 0,45 = pontuação necessária para valorizar.

CONFIRA O TIME BOM E BARATO PARA A 2ª RODADA DO CARTOLA FC

Escalação montada no esquema 4-3-3 com custo total do time C$ 94,68

GOLEIRO: Cleiton (C$ 7,27)

O Red Bull Bragantino fará a estreia como mandante no Campeonato Brasileiro frente ao Atlético-GO. Diferente da primeira rodada, a equipe não deve atuar com um time alternativo, o que permite a Cleiton maiores chances de manter o bônus do saldo de gol.

LATERAIS: Piquerez (C$ 5) e Lucas Piton (C$ 10,90)

Piquerez fará sua estreia no Campeonato Brasileiro e como comentado acima, a regra de pontuação é a mesma da primeira rodada. Contra o frágil ataque do Goiás e com presença dos titulares descansados, chance do saldo de gol voltar a aparecer para o Palmeiras.

Lucas Piton foi um dos destaques da primeira rodada do Cartola FC ao anotar 10,9 pontos. Como precisa de pouco para pontuar e enfrenta o instável Avaí, aposta obrigatória para quem visa buscar cartoletas.

ZAGUEIROS: Raul Gustavo (C$ 2,64) e Mercado (C$ 5,81)

Como já mencionado, o Avaí vem de uma temporada irregular e por isso apostar em defensores do Corinthians neste fim de semana é uma aposta mais segura. Sem atuar na primeira rodada e custando menos de C$ 3 cartoletas, Raul Gustavo cai como uma luva na necessidade de ganho de cartoletas.

Já Mercado conseguiu excelentes quatro desarmes no duelo contra o Atlético-MG e uma pontuação de 3,80. Frente ao time reserva do Fortaleza, boa aposta para saldo de gols e valorização ao fim da rodada.

MEIAS: Hyoran (C$ 7,27), Zé Rafael (C$ 9,97) e Edenílson (C$ 12,88)

Com Artur ainda lesionado, Hyoran assume a responsabilidade ser o principal agente ofensivo do Red Bull Bragantino. Por isso, olho no meia como opção para esse fim de semana.

Zé Rafael balançou as redes na estreia do Palmeiras no Campeonato Brasileiro e ainda marcou novamente frente ao Independiente Petrolero pela Libertadores, tendo ainda marcado frente ao São Paulo pela final do Paulistão. Quando a fase boa, o segredo é ir com ela e por isso a escalação do volante é uma boa aposta.

Para fechar os meias, Edenílson conseguiu pontuar bem na estreia e demonstrou que pode recuperar seu melhor futebol no Campeonato Brasileiro. Frente aos reservas do Fortaleza, chance novamente do meia 'mitar' e render boas cartoletas.

ATACANTES: Everaldo (C$ 6,54), Igor Paixão (C$ 10,57) e Germán Cano (C$ 11,89)

Everaldo tem sido uma das principais armas ofensivas do América-MG na temporada e começou bem o Cartola FC com 4,90 de pontuação - incluindo três desarmes. Frente ao Juventude em casa, boa aposta para o fim de semana.

Igor Paixão mostrou suas credenciais logo na estreia do Campeonato Brasileiro, com dois desarmes e três finalizações contabilizadas. Frente a frágil defesa do Santos, chance novamente de 'mitada'.

Por fim, Germán Cano demonstrou em três temporadas no futebol brasileiro que precisa de poucos toques na bola para balançar as redes. Contra o Santos, mesmo sem marcar, Cano anotou sete pontos. Frente ao Cuiabá na Arena Pantanal, valr a aposta para o centroavante marcar e garantir boas cartoletas.

TÉCNICO: Vagner Mancini (C$ 3,94)

Técnico bom e barato tem que ser o foco no início do Campeonato Brasileiro e Vagner Mancini atende esses requisitos, até por não ter pontuado na primeira rodada. Frente ao Juventude na Arena Independência, Coelho é favorito e precisa da vitória para apagar a derrota da estreia.

BANCO DE RESERVAS

O Cartola FC manteve o banco de reservas presente para essa edição do fantasy game. O cartoleiro poderá escolher um atleta por posição, desde que o valor dele seja igual ou menor que o titular mais barato.

Caso o atleta titular não jogue, o atleta reserva automaticamente será escalado, caso sua pontuação seja maior que 0, ou seja, caso não negative ao final da rodada.

A escalação desses atletas para o banco de reservas não é obrigatória.

De acordo com o time bom e barato, nossas dicas para o banco de reservas será em João Ricardo (Ceará), Marcos Felipe (Athletico), Rafael Ramos (Corinthians), Ricardo Goulart (Santos) e Helinho (Red Bull Bragantino).

LEIA MAIS: Athletico bate o The Strongest e ganha a primeira na Libertadores