Cartola FC: Dicas para pontuação alta na 3ª rodada do Brasileiro

As duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro tiveram médias altas no Cartola FC, mas os cartoleiros têm um fim de semana desafiador pela frente.

Jorge de Sousa - 20 de abril de 2022, 22:52

Leonardo Sguacabia/TheNews2/Folhapress
Leonardo Sguacabia/TheNews2/Folhapress

As duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro tiveram médias altas no Cartola FC, mas os cartoleiros têm um fim de semana desafiador pela frente.

Um dos desafios é que apenas nove jogos estarão disponíveis para a rodada do Cartola FC, porque o clássico entre Fortaleza e Ceará não irá contar pontos na disputa.

O mercado do Cartola FC vai fechar meia hora antes do primeiro jogo da rodada, sendo possível realizar alterações nos times até às 16h deste sábado (23).

Vale lembrar que todos os times começam com C$ 100. Mas para armar um time competitivo durante a temporada é necessário pelo menos C$ 170.

Mas uma novidade para essa edição é que os cartoleiros que eventualmente percam cartoletas durante a competição poderão em uma oportunidade retornar seu saldo para C$ 100 cartoletas.

Nesse texto, vamos montar um time com foco na pontuação, estratégia que na primeiras rodadas pode custar ganho de cartoletas, mas em compensação pode dar um gás nas ligas de pontos corridos e mata-mata.

Caso seu foco seja a valorização de patrimônio nessas rodadas iniciais, confira as dicas de escalação para ganhar importantes cartoletas na primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

COMO GANHAR CARTOLETAS NA 3ª RODADA DO CARTOLA FC?

A terceira rodada do Cartola FC é a mais perigosa nesse início do Cartola FC em questão de ganhar ou perder cartoletas.

Isso porque não existe uma equação certa para que o sistema de valorização funcione.

O que guia os cartoleiros nessa rodada é buscar atletas que tenham ficado em uma média de valorização ou desvalorização.

Dessa forma, busque atletas que ganharam ou perderem não mais que uma cartoleta no valor na última rodada, de preferência aqueles que também não tiveram pontuação muito alta ou muito baixa no fim de semana passado.

Além disso, o ideal é escalar atletas que fizeram as duas partidas no Campeonato Brasileiro, porque o sistema de valorização para os outros atletas é ainda mais instável.

CONFIRA O TIME COM FOCO EM PONTUAÇÃO NA 3ª RODADA DO CARTOLA FC

Escalação montada no esquema 4-3-3 com custo total do time C$ 122,02

GOLEIRO: Tadeu (C$ 4,92)

Tadeu é a principal referência do elenco do Goiás e tem justificado esse status com nove defesas contabilizadas em duas partidas. Frente ao instável Avaí, chance novamente do goleiro mostrar seu potencial.

LATERAIS: Madson (C$ 7,10) e Guilherme Arana (C$ 14,81)

Madson é um lateral ofensivo e por isso sempre pode agregar gols e assistências a pontuação. Frente a um América-MG que também pode poupar titular com foco na Copa Libertadores, o atleta é outro que pode se beneficiar na semana.

Guilherme Arana foi um dos líderes e pontuação na última temporada e já ostenta uma média de 6,30 pontos neste início de temporada no Cartola FC. Assim como Madson, Arana tem forte presença ofensiva e já conta com duas finalizações e duas faltas sofridadas contabilizadas.

ZAGUEIROS: Eduardo (C$ 9,14) e Nathan Silva (C$ 10,48)

Eduardo é outro membro da defesa do Santos indicado para compor o time dessa semana. O zagueiro tem quatro desarmes contabilizados no Cartola FC e contra o América-MG ainda pode evocar a famigerada Lei do Ex.

Nathan Silva foi um dos zagueiros líderes de pontuação da última edição do Cartola FC e começou essa temporada também com média alta (5,75). Frente ao Coritiba no Mineirão, chance mais uma vez do atleta manter o bônus de saldo de gol.

MEIAS: Terans (C$ 7,06), Nacho Fernández (C$ 9,99) e Zé Rafael (C$ 10,54)

Terans está em um início discreto no Campeonato Brasileiro, mas frente ao possível time misto do Flamengo pode reapresentar seu melhor futebol. Vale lembrar que o meia é o responsável pelas bolas paradas do Athletico e foi um dos líderes de pontuação da posição na última temporada.

Nacho Fernández é o principal articulador do meio campo do Atlético-MG e responsável pelos escanteios do Galo. Além disso, o Coritiba deve poupar alguns titulares visando o duelo pela Copa do Brasil, o que pode auxiliar ainda mais o meio campo argentino.

Zé Rafael aparece novamente na lista. O meia vem em boa fase e passou dois cinco pontos nas duas primeiras rodadas do Cartola FC. Aliando desarmes com participação ofensiva, Zé Rafael é uma aposta segura em busca de cartoletas e pontos neste fim de semana.

ATACANTES: Ytalo (C$ 8,26), Germán Cano (C$ 10,46) e Hulk (C$ 23,05)

Ytalo vem em grande fase pelo Red Bull Bragantino, marcando quatro gols nos últimos três jogos. Além disso, o São Paulo sofreu 11 gols nos últimos quatro jogos como visitante.

Germán Cano irá voltar a ser titular no Fluminense frente ao Internacional, outro time como uma defesa irregular. No único jogo como titular no Campeonato Brasileiro, Cano anotou sete pontos, mesmo sem gol ou assistência anotado.

Por fim, assim como na temporada passada, Hulk é quase uma unanimidade universal no Cartola FC. O atacante segue como principal arma ofensiva do Atlético-MG e frente ao Coritiba, vale o alto investimento de cartoletas.

TÉCNICO: Eduardo Baptista (C$ 6,21)

Eduardo Baptista assumiu o Juventude e conseguiu manter uma série invicta de oito jogos antes da derrota frente o América-MG. No Alfredo Jaconi frente ao Cuiabá, a equipe gaúcha tem potencial de retomar o caminho das vitórias e render boas cartoletas ao treinador.

BANCO DE RESERVAS

O Cartola FC manteve o banco de reservas presente para essa edição do fantasy game. O cartoleiro poderá escolher um atleta por posição, desde que o valor dele seja igual ou menor que o titular mais barato.

Caso o atleta titular não jogue, o atleta reserva automaticamente será escalado, caso sua pontuação seja maior que 0, ou seja, caso não negative ao final da rodada.

A escalação desses atletas para o banco de reservas não é obrigatória.

De acordo com o time bom e barato, nossas dicas para o banco de reservas serão em César (Juventude), Marcos Rocha (Palmeiras), Paulo Miranda (Juventude), Patrick de Paula (Botafogo) e Marcos Leonardo (Santos).

LEIA MAIS: Coritiba tem ótima atuação, vence o Santos e abre vantagem na Copa do Brasil