Fluminense vence Ceará e segue vivo por vaga direta na Libertadores

Jorge de Sousa

Fluminense vence Ceará e segue vivo por vaga direta na Libertadores pelo Campeonato Brasileiro

O Fluminense venceu o Ceará por 3 a 1 na noite desta segunda-feira (15) e segue vivo na luta por uma vaga direta para a próxima Copa Libertadores pelo Campeonato Brasileiro.

John Kennedy, Martinelli e Samuel marcaram os gols da vitória do Fluminense e Vina (de pênalti) descontou para o Ceará.

O duelo foi realizado no Castelão, em Fortaleza, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

A vitória manteve o Fluminense na quinta colocação, mas apenas dois pontos abaixo do Atlético-MG e São Paulo – terceiro e quarto colocados do Campeonato Brasileiro, respectivamente.

Vale lembrar que caso o Palmeiras vença a Copa do Brasil contra o Grêmio a quinta colocação do Campeonato Brasileiro irá render uma vaga direta para a fase de grupos da Copa Libertadores.

As duas equipes voltam a campo neste fim de semana pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. O Ceará duela com o Coritiba no Couto Pereira, no sábado (20), às 18h30, enquanto o Fluminense joga contra o Santos na Vila Belmiro, no domingo (21), às 18h15.

FLUMINENSE LETAL NOS CONTRA-ATAQUES VENCE NO CASTELÃO

A primeira finalização da partida foi do Ceará. Aos dez minutos, Bruno Pacheco foi lançado na área e bateu cruzado para Marcos Felipe espalmar para linha de fundo.

Nova chance do Ceará aos 18 minutos. Fernando Sobral arriscou da entrada da área, Marcos Felipe fez o ‘golpe de vista’ e a bola passou rente ao poste esquerdo.

Vina perdeu grande chance para abrir o placar aos 27 minutos. Yago Felipe errou na saída de bola e Saulo Mineiro disparou pela direita, cruzando na medida para o meia na pequena área, errando a finalização cruzada à esquerda da meta.

Marcos Felipe voltou a aparecer aos 40 minutos. Charles arriscou da intermediária e o goleiro foi buscar a bola para espalmar no canto direito.

Só que foi o Fluminense quem abriu o placar aos 44 minutos. Nenê deu belo passe para John Kennedy invadir a área e bater rasteiro para vencer Richard.

O Ceará quase empatou o jogo aos dois minutos do segundo tempo. Wescley tabelou com Vina e tentou o cruzamento rasteiro para Luccas Claro cortar, a bola voltar para o gol e Nino salvar de carrinho em cima da linha.

Novamente o contra-ataque do Fluminense foi fatal aos 13 minutos. Nenê passou por elevação para Egídio, que rolou para Martinelli finalizar rasteiro e Richard aceitar o chute.

Wescley perdeu boa chance para marcar aos 24 minutos. Vina cruzou da esquerda e o meia testou por cima da meta na pequena área.

Aos 31 minutos, Wilton Pereira Sampaio apontou penalidade para o Ceará, após Calegari calçar Vina na área. O próprio meia pediu a bola e bateu firme no canto esquerdo, Marcos Felipe chegou a desviar a bola, mas sem evitar o gol.

Vina ficou perto de empatar o jogo aos 39 minutos. O meia recebeu na entrada da área e arriscou a finalização cruzada, que passou rente ao poste esquerdo.

O Fluminense buscou o terceiro gol aos 42 minutos. Egídio bateu falta lateral na direita e Samuel desviou de peixinho para o fundo das redes.

Marcos Felipe ainda evitou novo gol do Ceará aos 47 minutos. Fabinho arriscou da entrada da área e o goleiro foi buscar a defesa no canto esquerdo.

LEIA MAIS: Band irá transmitir a F-1 com exclusividade no Brasil até 2022

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="745572" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]