Chelsea vence de virada e adia título do Manchester City na Premier League

Pedro Melo

manchester city-chelsea-premier league

O Chelsea venceu de virada por 2 a 1, na tarde deste sábado (08), e adiou o título do Manchester City da temporada 2020/2021 da Premier League. Na prévia da final da Champions League, Sterling colocou os Citizens na frente, mas Ziyech e Marcos Alonso, nos acréscimos, viraram para os Blues.

Mesmo com o tropeço, o Manchester City pode conquistar o título inglês ainda neste final de semana. Vice-líder, o Manchester United joga neste domingo (09), às 10h05 (horário de Brasília) e precisa vencer para seguir na caça do maior rival. A diferença hoje é de 14 pontos, mas o United tem dois jogos a menos (35 a 33).

Já o Chelsea ultrapassa o Leicester, assume a terceira colocação, com 64 pontos, e fica muito próximo da classificação para a próxima Champions League.

Manchester City e Chelsea se enfrentam novamente no dia 29, em Istambul, na Turquia, pela final da Champions League.

MANCHESTER CITY ABRE O PLACAR, MAS CHELSEA VENCE DE VIRADA COM GOL NOS ACRÉSCIMOS

A primeira chance de gol foi do Manchester City. Logo aos sete minutos, Gabriel Jesus teve o chute bloqueado, Mendy aproveitou a sobra, mas mandou pela linha de fundo. O Chelsea até abriu o placar com Werner, aos 31, mas o atacante estava impedido. E aos 42, Ziyech parou em boa defesa do goleiro Ederson.

No minuto seguinte, o Manchester City aproveitou jogada de velocidade e não desperdiçou. Gabriel Jesus ganhou a jogada de Christensen, invadiu a área e tocou para Agüero. O argentino errou no domínio, mas a bola sobrou limpa para Sterling, que mandou para o fundo das redes.

O City teve uma grande oportunidade de ampliar a vantagem ainda no primeiro tempo. Gilmour derrubou Gabriel Jesus na área e o árbitro marcou a penalidade. Agüero cobrou com cavadinha, mas o goleiro Mendy voltou rápido no lance e defendeu com tranquilidade.

A segunda etapa foi de total domínio da equipe do Chelsea. Depois de perder boas chances, os Blues empataram a partida aos 17 minutos. Após boa troca de passes no lado direito, Ziyech ficou livre de marcação na entrada da área e chutou no canto para deixar tudo igual.

O Chelsea chegou a virar a partida duas vezes, mas os gols de Werner e Hudson-Odoi foram anulados por impedimento. Só que nos acréscimos, a equipe londrina chegou ao gol da vitória. Werner recebeu passe de Hudson-Odoi e tocou para trás. Marcos Alonso chutou com a perna direita e mandou para o fundo das redes.

FICHA TÉCNICA
MANCHESTER CITY 1X2 CHELSEA

Data e horário: sábado (08), às 13h30 (horário de Brasília)
Local: Etihad Stadium, em Manchester (ING)
Árbitro: Anthony Taylor (ING)
Assistentes: Gary Beswick (ING) e Adam Nunn (ING)

Manchester City: Ederson; Cancelo, Rúben Dias, Laporte, Ake e Mendy (Zinchenko), Rodrigo, Ferrán Torres (Gündogan) e Sterling; Agüero (Foden) e Gabriel Jesus.
Técnico: Pep Guardiola.

Chelsea: Mendy; Azpilicueta, Christensen (Zouma) e Rüdiger; James, Kanté (Jorginho), Gilmour e Marcos Alonso; Zivech (Hudson-Odoi), Werner e Pulisic.
Técnico: Thomas Tuchel.

Gols: Sterling (MCI), aos 43′ do primeiro tempo, Ziyech (CHE), aos 17′ do segundo tempo, e Marcos Alonso (CHE), aos 47′ do segundo tempo.
Cartões amarelos: Sterling e Gabriel Jesus (MCI).

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="762835" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]