Com pênalti no final, Atlético vence o Sport na Baixada

Roger Pereira


Depois de dois tropeços seguidos, o Atlético voltou a se encontrar com a vitória. Com um gol de pênalti nos minutos finais da partida, o Furacão bateu o Sport por 2 a 1, na Arena da Baixada, se distanciou ainda mais de qualquer risco de rebaixamento e voltou a flertar com o G7, o grupo dos times que se classificam para a Libertadores da América.

Depois de um primeiro tempo com nove finalizações atleticanas, amplo domínio, muita pressão, mas nenhum gol, o rubro-negro paranaense contou com um golaço de Lucho Gonzales para abrir o placar aos 15 minutos do primeiro tempo. Ribamar recebeu lançamento na meia-lua, fez o pivô, ajeitando para o argentino que, de primeira, acertou um belo chute para fazer 1 a 0.

Mas a alegria atleticana não durou muito tempo. aos 23 minutos, Rogério invadiu a área dando uma meia-lua em Zé Ivaldo, que deu um tranco por trás no atacante pernambucano. Pênalti, que Diego Souza não desperdiçou, empatando a partida.

Precisando da vitória, o Atlético foi para cima, contando, principalmente, com a boa participação de Felipe Gedoz, que entrou no lugar de Douglas Coutinho, aos 16 minutos do segundo tempo. E a insistência do meia atleticano foi recompensada já no final da partida. Aos 41 minutos, ele recebeu bom passe de Sidcley, escapou da marcação para entrar na área e foi derrubado. Ele mesmo cobrou o pênalti para fazer o gol da vitória atleticana.

Com o resultado, o Furacão chega a 41 pontos, na 9ª posição, abre nove pontos para a zona de rebaixamento e fica a penas três do G7. Já o Vitória, com 34, é o 16º o último dos times fora da ZR.

Previous ArticleNext Article
Repórter do Paraná Portal
[post_explorer post_id="461914" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]