Com torcida em Wembley, Leicester vence o Chelsea na final da Copa da Inglaterra

Folhapress


Cerca de 21 mil torcedores, alguns deles sem máscaras, estiveram no estádio Wembley neste sábado (15) para acompanhar a final da Copa da Inglaterra, na qual o Leicester venceu o Chelsea por 1 a 0 e ficou com o título da 140ª edição do torneio.

Assim como ocorreu nas semifinais, os torcedores que estiveram no estádio tiveram de passar por testes de Covid-19 durante a semana e exibir o resultado do exame para ter acesso ao local. O uso de máscaras também era obrigatório, porém imagens de TV mostraram alguns fãs sem o uso do protetor.

O público registrado na decisão foi o maior já permitido no país desde o início das medidas de restrições impostas pela pandemia do novo coronavírus.

Antes de a bola rolar, enquanto os jogadores faziam um protesto contra o racismo, ajoelhados no campo, os torcedores se dividiam entre aqueles que aplaudiam e os que vaiavam a manifestação.

A partida foi considerada mais um evento testes pelo governo britânico, que vem flexibilizando as regras de restrições.

Com bola rolando, coube ao volante Tielemans fazer o único gol da partida, aos 17 minutos da etapa final, para dar ao Leicester o primeiro título da Copa da Inglaterra da história do clube. A equipe já havia batido na trave em quatro oportunidades, nas quais ficou com o vice.

Presente no estádio, o Príncipe William foi o responsável por entregar a taça aos jogadores.

Chelsea e Leicester voltam a se enfrentar na próxima terça-feira (18), desta vez, pelo Campeonato Inglês. A duas rodadas do fim do torneio, a equipe de Thomas Tuchel está na quarta posição, com 64 pontos, dois a menos do que o adversário, o terceiro.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="764291" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]