Operário vira contra o Confiança e mantém vivo sonho do acesso

Jorge de Sousa

Operário vira contra o Confiança e mantém vivo sonho do acesso na Série B

O Operário venceu de virada o Confiança por 2 a 1 na noite desta segunda-feira (11) e manteve vivo o sonho do acesso no Campeonato Brasileiro da Série B.

Iago abriu o placar para o Confiança, mas Ricardo Bueno e Reniê garantiram a virada do Operário.

O duelo foi realizado no Batistão, em Aracaju, sem a presença de público devido a pandemia da Covid-19.

Com a vitória, o Operário soma 48 pontos, quatro abaixo do CSA – atual quarto colocado da Série B. Mas a equipe de Maceió ainda atua nesta rodada, visitando o Paraná Clube na Vila Capanema.

As duas equipes voltam a campo ainda neste semana. O Operário recebe o CRB no Germano Krüger, na quinta-feira (14), às 19h15, enquanto o Confiança visita o Oeste na Arena Barueri, no sábado (16), às 21h.

RENIÊ MARCA GOL ‘ESPÍRITA’ E GARANTE VITÓRIA DO OPERÁRIO

O Confiança conseguiu abrir o placar logo aos sete minutos. Reis encontrou Iago na área, o atacante limpou a marcação e bateu entre as pernas de Matías Rodríguez para balançar as redes.

Marcelo quase empatou o duelo com gol olímpico aos 27 minutos. O meia bateu escanteio da esquerda e a bola explodiu no travessão de Rafael Santos.

Nova chance do Operário aos 35 minutos. Alex Silva recebeu na direita e cruzou na área para Ricardo Bueno desviar, com a bola passando rente ao poste direito.

O Operário conseguiu empatar o duelo aos oito minutos do segundo tempo. Marcelo bateu escanteio da direita e Ricardo Bueno testou firme para o fundo das redes.

Marcelo ficou perto de outro gol olímpico aos 14 minutos. Em cobrança de escanteio da direita, a bola novamente veio fechada e Nirley cortou quase encima da linha de gol.

Martín Rodríguez salvou o Operário aos 18 minutos. Thiago Ennes cruzou na medida e Reis testou firme para o goleiro espalmar no canto direito.

Iago quase fez um golaço aos 35 minutos. O atacante foi lançado por André Moritz, fintou dois jogadores, mas na hora de finalizar bateu muito aberto e a bola passou na frente do gol.

O Operário buscou a virada aos 48 minutos. Após escanteio cobrado da esquerda, Reniê ajeitou a bola no peito e bateu mesmo sem ângulo, firme no canto direito de Rafael Santos.

LEIA MAIS: Londrina anuncia Silvinho como técnico para decisão na Série C

Previous ArticleNext Article