Corinthians sofre com ferrolho do Botafogo-SP e empata fora de casa

Corinthians e Botafogo-SP empataram por 1 a 1 na noite deste sábado (19), no estádio Santa Cruz, pela oitava rodada do Paulistão.

Folhapress - 19 de fevereiro de 2022, 21:18

Raul Ramos/Ag. Paulistao
Raul Ramos/Ag. Paulistao

Corinthians e Botafogo-SP empataram por 1 a 1 na noite deste sábado (19), no estádio Santa Cruz, pela oitava rodada do Paulistão, em jogo marcado também pelas homenagens a Sócrates, ídolo dos dois clubes que completaria 68 anos nesse sábado. Os gols foram marcados por Raul Gustavo e Hélio Paraíba.

O resultado mantém o Timão na liderança do Grupo A, com 14 pontos. Com 12, o Pantera sobe à terceira posição do Grupo C.

Na próxima rodada, o Corinthians recebe Bragantino na Neo Química Arena, às 11h (horário de Brasília) do domingo (27). No mesmo dia, a equipe tricolor encara São Bernardo, novamente em Ribeirão Preto, às 20h30.

O Corinthians começou a partida com superioridade e mais posse de bola, enquanto o Botafogo buscava espaço para contra-atacar. Os alvinegros levaram perigo três vezes - com Roni, Gustavo Silva e Luan -, até marcar aos 38 minutos, em bola parada. Cantillo cobrou falta pela esquerda e lançou no segundo pau, onde Róger Guedes apareceu sozinho, escorou para o meio e o zagueiro Raul Gustavo completou para o gol.

Com a desvantagem no placar, o Pantera mudou a postura, foi para cima no segundo tempo e chegou perto de empatar em quatro oportunidades, com Bruno Michel, Marlon, Jean Victor e Hélio Paraíba. E foi desse último que saiu o gol de empate, aos 24 minutos. Jean cruzou aberto pela ponta esquerda e, na grande área, Hélio subiu mais que Raul Gustavo e completou de cabeça para vencer o goleiro Cássio. Dali em diante, os donos da casa voltaram a se fechar.

Após sofrer o gol de empate, o técnico Fernando Lázaro lançou a campo os experientes Paulinho, Willian, Giuliano e Renato Augusto, que, preservados da sequência de jogos, começaram o jogo no banco de reservas. O desempenho corintiano melhorou, sobretudo pela criatividade de Willian e Renato, mas a equipe não foi capaz de superar o ferrolho do Botafogo, que valorizou o ponto conquistado em casa.

Os desfalques de Gil, Fagner e Jô, bem como o objetivo de poupar outros nomes experientes do elenco, fizeram Fernando Lázaro levar um time misto para Ribeirão Preto. Entre os atletas que ganharam oportunidades estava Luan. Sem espaço no time titular desde a temporada passada, o meia-atacante teve uma atuação tímida diante do Botafogo. O camisa 7 participou bem da distribuição de passes no sistema ofensivo, mas não criou chances claras e, quando teve sua oportunidade, livre na grande área, desperdiçou com um cabeceio ruim. Luan foi substituído por Willian aos 25 minutos da etapa final.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO-SP 1 X 1 CORINTHIANS
Data: 19/2/2022
Local: Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (BRA)
Hora: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Douglas Marques das Flores
Assistentes: Fabrini Bevilaqua Costa Arbitro e Vladimir Nunes da Silva
VAR: Vinicius Furlan
Cartões amarelos: Roni (COR), Cássio (COR) e Xavier (COR)
Gols: Raul Gustavo (COR), aos 38 minutos do 1º tempo e Hélio Paraíba (BOT), aos 24 do 2º tempo.

BOTAFOGO-SP
Deivity; Marlon, Tárik, Joaquim, Joseph e Jean; Fillipe Soutto (Guerra) e Emerson Santos; Bruno Michel (Luketa), Dudu (Kadu Barone) e Tiago Reis (Hélio Paraíba). Técnico: Leandro Zago.

CORINTHIANS
Cássio; João Pedro, João Victor, Raul Gustavo e Bruno Melo; Cantillo (Paulinho), Roni (Xavier), Luan (Willian), Gustavo Silva (Giuliano) e Adson (Renato Augusto); Róger Guedes. Técnico: Fernando Lázaro.

LEIA MAIS: Athletico vence Cianorte e cola na liderança do Paranaense